O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Polícia e manifestantes

A construção da sociedade brasileira é alicerçada em regimes autoritários, excludentes e opressores. O processo colonizador, atrelado a intolerância e exploração, marca o início da nação canarinha e permanece nos dias atuais. Nesse sentido, a repressão praticada por policiais contra cidadãos que saem as ruas reivindicando melhores condições de vida, é, na verdade, a representação de um Estado opressor que utiliza a violência como ferramenta de dominação.
Os excessos praticados pela polícia militar é herança do regime militar no Brasil. Assim, a presença de grupos como os "Black Blocs", depredando o patrimônio, é a justificativa para que a força policial seja utilizada contra todos os manifestantes, todavia, de forma desproporcional. De acordo com Ariano Suassuna, dramaturgo e escritor, quando o Brasil real, representado pela população, levanta a cabeça, o Brasil oficial, classes privilegiadas e governo, vai lá e corta, como no massacre a Canudos. Análogo a essa simbologia, a força policial é o instrumento de controle social.
A liberdade de reunião é garantida pela Carta Magna e representa a essência de uma sociedade democrática. É certo a necessidade da colaboração policial na conciliação de uma convivência harmônica entre a sociedade, contudo, o tratamento distante e pouco humanizado de nossos policiais acarretam a desconfiança e medo da população nessas corporações, como mostra a pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), apontando que 70% não confiam na instituição policial.
Desse modo, é notório, portanto, que medidas devem ser tomadas. O Poder Legislativo deve criar leis, em que o treinamento policial esteja atrelado a formações periódicas de cunho social, debatendo e conhecendo temas importantes, como o racismo, liberdade de expressão e direitos humanos. ONGs devem denunciar os abusos cometidos pelo Estado brasileiro em manifestações a Comissão Interamericana de Direitos Humanos.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!