O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Pobreza no Brasil

A pobreza, infelizmente, sempre foi uma realidade do cotidiano brasileiro - crianças subnutridas, muitas delas a espera de uma moeda em semáforos, desabrigados embaixo de pontes e viadutos e por aí vai. Uma infinitude de causas agravam esse problema: políticas sociais medíocres, educação precária, entre outros. Baseado nisso, se faz evidente a grave situação social em que o Brasil está exposto.


Em primeiro lugar, não podemos falar de pobreza sem olhar para a história. Políticas oligárquicas tiveram uma grande influência nesse cenário. Má distribuição de renda, políticas centralizadas, corrupção e outros aspectos conntribuiram gradualmente para formar monopólios e grandes impérios capitalistas. O período conhecido como República do Café com leite, que possuia os investimentos voltados, principalmente, para Minas Gerais (leite) e São Paulo (café) é um exemplo prático. Trabalhadores, principalmente do nordeste, migravam de suas cidades para os grandes centros a procura de emprego e devido a suas condições financeiras precárias não conseguiam se estabilizar nos centros das cidades, indo para as periferias, dando início a comunidades de baixa renda.


Outro aspecto é o contraste da desigualdade no Brsail. Em 1994, a Seleção Brasileira se tornava a tetracampeã mundial de futebol, no mesmo ano, jornais brasileiros publicaram uma matéria em que dizia que pessoas de um lixão de Pernambuco, em condições de extrema miséria, comiam ratos para saciar a fome. Essa notícia enaltecia que por trás de gritos e festas, o Brasil possuia, e ainda possui, um "lado obscuro".


Por fim, diante da pobreza miserável que o Brasil se encontra, uma possível solução de longo prazo é a educação. A formação de pessoas que questionam governos e políticos ocasionará na elaboração de melhores políticas de bem-estar social. Para uma solução mais imediata, programas de assistência social se fazem necessários. Assim, fica evidente que a educação, literalmente, salva vidas. Como dizia Arthur Lewis, ganhador do prêmio Nobel de economia: "Educação não é despesa. É investimento com retorno garantido".

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!