O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Os desafios da sexualidade na adolescência

    A série animada "Big Mouth", exibida pela plataforma Netflix, acompanha a fase da puberdade de uma turma de amigos, os quais lidam com a exploração da sexualidade e o amadurecimento. De maneira similar ao desenho, a sexualidade na adolescência e os seus desafios estão em debate na sociedade brasileira, tendo em vista a falta de educação sexual nas escolas e a quantidade de conteúdos de cunho sexual encontrados na internet, fatores bastante preocupantes.


     Cabe abordar, com efeito, como é preocupante que uma grande parcela das escolas não considerem a educação sexual como uma necessidade a ser incluída no sistema educacional. Isso porque a sexualidade não é, ainda, amplamente discutida dentro do ambiente familiar, o que pode levar o jovem a se sentir desconfortável para falar sobre suas dúvidas. Sob esse viés, dados do site Revista Educação revelam que menos de 20% das escolas públicas do Brasil têm educação sexual, cenário que não deve ser ignorado, pois é dever das famílias e das instituições de ensino orientar e educar os adolescentes.


    É preciso destacar, além disso, que a quantidade de conteúdos impróprios e a facilidade de acessá-los também é outro desafio da sexualidade na adolescência. Essa problemática é perpassada, em primeiro plano, pelo contato do jovem com músicas que insinuam a prática de relações sexuais, filmes e séries apelativos e os sites pornográficos, os quais têm a capacidade de influenciar o adolescente sem que este tenha o conhecimento necessário para iniciar uma vida sexual ativa e segura. Exemplo desse conteúdo é o polêmico filme "Migonnes", o qual exautava o amadurecimento sexual precoce de meninas. Logo, é imprescindível a ação do governo e da sociedade para alterar essa conjuntura.


     Conclui-se, diante do exposto, que são necessárias medidas que atenuem os desafios dessa problemática.Portanto,cabe ao Ministério da Educação implementar a educação sexual nas escolas públicas brasileiras, reunindo profissionais da área que orientem de maneira adequada os jovens a respeito de uso de preservativos,diversidade de gêneros, gravidez, com o objetivo de fornecer ao jovem todo o conhecimento necessário para o desenvolvimento destes. Ademais, é papel das famílias estimular a pauta dentro de casa, conversar com os filhos sobre sexualidade sem medo de estar influenciando eles,  promovendo um ambiente de aceitação e de diálogo entre o infante e o adulto, assim como mostrado na série "Big Mouth".

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!