O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O streaming e a revolução no consumo de mídias

É notório que o advento da era digital tem prescindindo o meio físico de consumo de cultura. A disponibilidade de diversos conteúdos na internet como livros, filmes, músicas por meio do streaming proporciona maior comodismo e conforto aos usuários, porém essa tendência ainda é nova no Brasil e enfrenta algumas barreiras que precisam ser analisadas.


De fato, a internet passou a fazer parte da cultura da população, pois oferece uma gama ilimitada de serviços de forma instantânea e dinâmica sem sair de casa. Atualmente é possível assistir filmes sem se deslocar até a locadora e escutar músicas sem adquirir Cds com apenas 12 músicas. As plataformas de streaming disponíveis via internet, a exemplo do Netflix, com filmes e documentários, e do Spotify, com músicas, tem proporcionado o acesso sem restrições a essas culturas. Além disso, a assinatura desses serviços possuem preços considerados justos e acessíveis a grande parte da população quando comparado às tradicionais Tvs por assinatura. Visto isso, tal ferramenta tende a crescer no mercado mundial e brasileiro, contudo ainda há entraves sofridos por alguns brasileiros.


Apesar de haver o crescente acesso dos brasileiros à internet, ainda há restrições quanto a velocidade e qualidade dela, principalmente relacionada aos dados móveis. Tal situação torna-se visível principalmente à transmissão de conteúdos ao vivo o qual perde-se a qualidade das imagens mostradas. Muitos serviços de streaming possibilitam fazer o download dos conteúdos para consumi-los mesmo quando não há conexão. Esse recurso oportuniza aqueles que possuem que não possuem uma boa internet. Dessa forma, infere-se que o serviço de streaming propende a permanecer, sendo necessário a adequação dos fornecedores de internet a essa realidade.


Portanto, fica evidente que a dependência dos indivíduos aos conteúdos digitais é cada vez maior, por isso torna-se fundamental à adaptação de diversos setores à prática de streaming. Cabe, as Tvs por assinatura disponibilizar seus conteúdos de forma mais barata por meio de plataformas, aumentando e flexibilizando os temas disponíveis a fim de que não haja sua extinção. Além disso, os provedores de internet e dados móveis devem melhorar a qualidade da internet brasileira, objetivando o maior acesso aos seus serviços e as expectativas dos usuários.


Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!