O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O problema da invisibilidade social

Vitrine Social

A invisibilidade social marca presença em nosso cotidiano, e tornou-se algo tão normal que quase ninguém mais percebe a sua existência, de fato quando não somos vistos não somos lembrados.Passar por esse mundo e deixar a sua marca é a vontade de muitos que aqui vivem, embora talvez não seja a realidade que os cerquem.Essa, entre tanto é o resultado de uma sociedade dividida por classes, o pré conceito estabelecido gera demarcações ás pessoas, tornando as visíveis ou não.

A sociedade segundo o sociólogo Pierre Bourdieu funcionaria a partir de um sistema de hierarquias, na qual a soma entre relações econômicas,simbólicas e culturais resultariam na relação do individuo e sociedade. A partir disso podemos observar o quão incluso o somatório de vida do homem pode resultar na sua perceptividade enquanto na sociedade. A invisibilidade de um individuo esta além do egoismo social, a sua caracterização é dada pela instabilidade social que o mundo vem apresentando. Ou seja, diferenças sociais, culturais e de poderes definirão o seu lugar no mundo.

Segundo Bourdieu a estrutura social deriva da desigualdade de distribuição de recursos e poderes, para ele uma posição de destaque social seria a partir de um capital, ou seja poder. O sociólogo aborda quatro tipos de capital: econômico,cultural,social e simbólico. O capital econômico reflete ao nosso salários e bens, o cultural seriam os bens adquiridos a partir dos estudos como diplomas e títulos, o social é a relação de capitalização, enquanto que o simbólico é representado como um dos egos da sociedade, o prestigio e a honra. São esses os capitais que nos diferenciarão na vitrine social, a diferença entre um gari e um diretor de empresa, são os capitais com que cresceram e adquiriram que os tornaram invisível e visível.

Para finalizar, ressalto que o problema social vigente é uma consequência de anos de história e modernização. A princípio não é possível ver uma solução imediata, por se tratar de uma ação psicossocial. A igualdade é a solução de diversos problemas, todavia, vale ressaltar que a sua adesão é um processo longo e mudaria drasticamente o comportamento humano. Todo o processo tem um ponto de partida e cabe a nós inicia-lo e repassar a nossas futuras gerações para que todos possam ser vistos e ouvidos.



Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!