O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O preconceito linguístico em questão no Brasil

O preconceito linguístico surge a partir da concepção de que há uma maneira correta de se utilizar a língua, baseada na normativa gramátical, e que todas as outras expressões que não atendam a isso, são erradas. Fato é, que os usos da língua, enquanto ferramenta de expressão, são muitos e atendem a várias funções, não cabendo uma limitação tão grande quanto o conceito de uso "certo" e "errado", e que preconceitos linguísticos promovidos por essa ideia não devem prevalecer.

A língua se adequa às necessidades comunicativas e reflete o contexto sócio-cultural e histótico. Podemos tomar como exemplo a diferença de vocabulário empregado em um diálogo informal em comparação com o utilizado pelo setor judiciário, ou ainda, observar essa diferença substâncial entre pessoas pouco escolarizadas com as mais escolarizadas. Em ambos os casos a língua atende à necessidade como ferramenta de expressão e se adequa ao contexto em que é utilizada, cumprindo, independente de erros gramaticais, sua principal função: a comunicação.


Apesar da ideia proposta, e sua defesa pelos mais diversos linguistas, ainda predomina o conceito de quem não se expressa através da utilização da norma culta, se expressa errado. Essa associação se deve em muito ao processo de aprendizagem da gramática, que geralmente vem "pura", não asssociada à reflexões mais aprofundadas do uso cotidiano da língua. Quando dizemos que "estudamos português", invariavelmente, nos referimos a um estudo puramente normativo e não composto de reflexões sobre a linguística, ou sobre as transformações que a língua adquiri ao lomgo de seu processo de construção como forma de comunicação.


Em suma, não se pode atribuir um conceito de certo e errado ao uso da língua enquanto ferramenta de expressão desde que ela cumpra seu papel de comunicação, que lhe é primordial. Ademais, é-se necessário rever o ensino da língua com uma abordagem puramente gramatical, esse ensino deve estar acompanhado de reflexões sobre linguística, para melhor compreensão e assimilação do aluno, e como melhor forma de combater os conceitos errôneos de classificar a sua expressão em conceitos como correto ou incorreto.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!