O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O consumismo e seus impactos ambientais

A alienação por mercadorias, o consumismo, teve início na Revolução Industrial, durante o século XVIII, a qual foi produzindo produtos em massa e facilitando a circulação de bens, tendo como consequência o aumento de emissão de gases estufas devido ao aumento de industrias. No contexto atual, a problemática prevalece na sociedade, portanto, urge que medidas sejam tomadas para minimizar a questão dos impactos ambientais gerados pelo consumo, que é motivado pela lógica consumista do capitalismo e do suprimento de distúrbios emocionais ou psicológicos.


Nesse sentido, convém analisar a lógica consumista do capitalismo como um dos principais fatores para este advento. No qual, segundo o relatório Planeta Vivo, a população mundial já consome 30% a mais do que o planeta conseque repor. Isso se deve pela alienação de ter dois produtos do mesmo, além de se sentir inferior quando lança um produto novo. Com efeito de atos como esses, é gerado em excesso o lixo eletrônico, o qual é caracterizado pelo descarte incorreto de eletroeletrônicos, sendo que, estes aparelhos possuem elementos tóxicos prejudiciais para o solo, tornando infertil a área em que é descartada o produto.


Ademais, segundo a teoria do sociólogo Zygmunt Bauman, vivemos em um momento de substituição de valores coletivos por valores individuais. Tal teoria se aplica ao século XXI, onde pessoas estão sendo substituidas por coisas materiais, com o intuíto de suprir sentimentos e pessoas, como uma decepção amorosa, além dos problemas psicológicos. Somado a isso, o indivíduo adquirindo a alienação por compras, gera um aumento do descarte de lixo incorreto.


Em síntese, convém dizer que esta problemática é desencadeada pelo consumo descontrolado da sociedade, gerando lixos em excesso e com isso a poluição. Portanto, cabe ao Ministério da Proganda junto ao Ministério da Educação, criar campanhas de orientação do consumo consciente e da reciclagem do lixo, publicando em locais públicos como ruas e escolas de ensino básico, para que assim tenhamos uma sociedade consciente de suas ações para o mundo. Além disso, cabe ao Ministério da Saúde disponibilizar tratamentos psicológicos em hospitais públicos para a população de baixa renda, para que estes tratem e ensinem como lidar com problemas emocionais. Sendo assim, a sociedade terá consciencia de suas atitudes, além de saber o uso correto de jogar o lixo.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!