O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O consumismo e seus impactos ambientais

No filme "O Lorax: Em busca da Trúfula Perdida", o personagem Ted vive em uma cidade sem contato com a natureza, onde tudo é constituído por plástico. Ao longo da história, a causa dessa realidade é exibida ao espectador: a venda de materiais multiuso feitos à base de folhas de uma árvore e seu consumismo. Fora da ficção, é fato que o mundo de Ted pode ser relacionado ao estilo de vida do século XXI, onde o exibicionismo e o descaso com a natureza corroboram o consumismo.


Em primeiro lugar, é importante destacar que, o consumo excessivo está ligado diretamente com o ato de ter e exibir poder. É de conhecimento geral sobre o crescimento paralelo entre possuir bens e poder na atual sociedade. Nesse sentido, consome-me muito além do necessário para sobreviver somente para demonstrar que detém mais poder. Assim, esgotando cada vez mais os recursos não renováveis de nosso planeta.


Por conseguinte, alterações no clima, na fauna e na flora já são visíveis, servindo de alerta para que não se concretize a previsão da ONU, a qual diz que se os humanos continuarem agindo como estão, é possível que, em 2050, já tenha mais plásticos do que peixes nos oceanos. Desse modo, tornando a vida gradualmente complexa e fazendo com que seja perceptível para todos que ter dinheiro não é o mais importante. Assim, consentindo com um antigo provérbio indiano: "Quando a última árvore for cortada, o último peixe apanhado, o último rio envenenado, somente assim nós perceberemos que não podemos comer dinheiro."


Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Para a conscientização da população, urge que o Ministério do Meio Ambiente crie, por meio de verbas governamentais, campanhas publicitárias que incentivem os 3Rs (reduzir, reutilizar e reciclar) e informem com dados de pesquisas sobre a gravidade do consumismo. Outrossim, cabe ao Legislativo brasileiro criar e fortalecer leis que imponham limites na extração dos recursos naturais. Somente assim, será possível combater esse mal e impedir que a nossa realidade se aproxime da realidade do personagem Ted.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!