O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O consumismo e seus impactos ambientais

Ambientalistas de todo mundo vem denunciando há décadas em congressos mundias e por meio de propagandas sobre o iminente esgotamento dos recursos naturais e dos danos causados por acúmulos de lixos eletrônicos em virtude do consumo exagerado da população mundial moderna. Boa parte desse consumo pode ser evitada com a conscientização das pessoas em comprar somente o necessário, fazendo-as pensar na sustentabilidade responsável.
Ao considerar que, conforme estudos realizados pela ONU, as reservas de recursos naturais estão cada vez mais ameaçadas de extermínio como é o caso observado com as reservas de petróleo e gás pelo mundo. Já o capitalismo, que expandiu-se por quase toda face da terra, figura-se como um dos principais culpados por este contexto de consumo preocupante atual. Isso tem induzido as pessoas a pensar que o poder de compra é sinônimo de uma vida de sucesso, esquecendo que as fontes primárias dos produtos consumidos por elas estão se esvaindo.
Além disso, o consumo exagerado faz com que se acumule cada vez mais lixos, principalmente, os eletrônicos que têm curta durabilidade de uso e muita rotatividade de mercado. Os resíduos tecnológicos descartados em lixões comuns liberam substâncias tóxicas para o meio ambiente, ocasionando riscos altíssimos para a vida aquática e indiretamente para o próprio ser humano. A maneira de se desfazer dos equipamentos eletrônicos usados deve ser monitorada para evitar maiores danos à natureza.
Portanto, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais(IBAMA) em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente(PNUMA) e entidades privadas, devem implantar projetos de combate ao consumismo exagerado, divulgando em rede nacional o perigo do esgotamento dos recursos naturais para prevenir o bem-estar dos seres viventes atuais da terra e os do futuro. O instituto também deve gerenciar o destino dos lixos de eletrônicos descartados, evitando o acúmulo em lixões nos arredores das cidades, criando uma política reciclagem e, por fim, implementar um programa de conscientização dos consumidores de modo geral.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!