O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O aumento do trabalho informal no Brasil

Em 1943, Getúlio Vargas consolidou as leis trabalhistas, e, entre os benefícios que se garantia ao trabalhador estavam: a criação da carteira de trabalho, o salário mínimo e direito a férias anuais remunerada. Por conseguinte, atualmente os trabalhadores ainda podem desfrutar desses direitos, além de muitos outros que foram conquistados ao passar dos anos. Todavia, motivos como o grande avanço tecnológico e a situação de pobreza fizeram com que houvesse um grande aumento do trabalho informal no país.


Tendo em vista a realidade, desde a grande revolução do século XVIII, o serviço braçal é substituído pela tecnologia. Com isso, surge a exigência de qualificar-se para conseguir entrar no mercado de trabalho, haja vista que muitos dos empregos formais necessitam de uma mão de obra especializada, devido ao aumento do uso de máquinas e computadores nesse setor. Logo, fica evidente que tal avanço tecnológico torna-se um empecilho aos indivíduos que pretendem fazer parte do mercado de trabalho, uma vez que os cursos qualificativos são de difícil acesso à população mais pobre.


Ademais, a História do Brasil possui raízes profundas de um povo escravo que, durante quinhentos anos, trabalhou sob condições precárias para que fosse possível sobreviver. Consequentemente,  esse passado é refletido ainda nos dias atuais –embora que em condições muito melhores do que no período citado- pois, muitos cidadãos em estado de pobreza submetem-se a trabalhar por um salário miserável e sem possuir de seus direitos, graças à necessidade de sobreviver e sustentar suas famílias. Assim, conclui-se que tal situação acarreta em um grande aumento de indivíduos que vivem do trabalho informal, atingindo um percentual de 41,4%, segundo o IBGE, que é explicado pelo fato de ter uma demanda maior.


Destarte, é notório que tanto como a exigência por qualificação como a situação de pobreza são motivos que explicam o aumento do trabalho informal no país. Portanto, é dever do Governo  Federal, por meio do Ministério do Trabalho, providenciar cursos de qualificação, que estejam a par das ofertas de vagas no mercado de trabalho, gratuitos, online e presenciais. Tal ação pode ser realizada a partir de parcerias com as Universidades Federais, as quais podem incluir esses cursos na grade curricular em forma de projetos, que poderão ser realizados por alunos em fase de conclusão de curso de diversas áreas. A partir disso, a população mais necessitada terá a oportunidade de qualificar-se a fim de que se torne mais acessível a obtenção de um trabalho formal. Então, será possível que essa grande parcela da sociedade desfrute de seus direitos trabalhistas, os quais são existentes desde a Era Vargas.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!