O desconto do plano APROVADO EM 2021 termina em: dias horas minutos segundos

O aumento do trabalho informal no Brasil

Na época da escravatura brasileira, era comum a utilização dos escravos de ganho. As escravas livres – conhecidas como Ganhadeiras -,vendiam mercadorias em tabuleiros, com objetivo de conseguir sustento para os filhos. Desse modo, no contexto contemporâneo, a realidade 38,8 milhões de pessoas do trabalho informal, é a busca de condições financeiras melhores em meio a situações adversas. Por isso, cabe analisar os fatores que motivam essa condição social, tais como:  Falta de empregos e baixa escolaridade favorecem o cenário informal.


 Em uma primeira análise, o desemprego tem sido o principal motivo que estimula o trabalho informal. Sob este ângulo, no filme americano, À procura da felicidade, expõem a realidade de Chris, que enfrenta dificuldades financeiras por não possuir um emprego estável. De maneira análoga, muitos brasileiros vivenciam na vida real a trama do filme, um exemplo disso, foi exposto  pelo Jusbrasil, em que uma senhora, depois de ter sido despedida do trabalho, para manter os filhos passou a vender doces e salgados em terminais de trens, passando a ganhar um pequena quantia diariamente. Em virtude disso, apesar da estabilidade temporária, esse “drible” no desemprego, é prolongado por um tempo indeterminado para os que optam por tal caminho.


Em uma segunda análise, no mercado de trabalho formal, ocorre a exigência de uma maior qualificação do profissional.  Diante do exposto, em uma matéria realizada pelo site “ Portal do Dia “ , um jovem de 31 anos, ao perder seu emprego, não consegue ser contratado em nenhum outro lugar, por possuir apenas o ensino fundamental completo. Por conseguinte, esse cidadão projetou sua realidade trabalhista na venda de flanelas em semáforos. Desse modo, uma menor qualificação associada à baixa formação escolar, problematiza a inclusão do indivíduo nos setores formais, visto que, qualquer área profissional demanda de uma habilidade especializada, pois quanto maior a competência, maior será a oportunidades de trabalho.   


Portanto, é evidente que o trabalho informal oferece vantagens, bem como desvantagens para quem o pratica. Em suma, os Governos Estaduais devem programar investimentos em cursos de especialização, por meio de implantação de áreas destinadas para aulas de professores especializados no ramo do empreendedorismo, a fim de melhorar os investimentos do autônomo. Com isso, a relação do mercado de trabalho formal e informal evoluirá.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!