ENTRAR NA PLATAFORMA
O aumento do trabalho informal no Brasil

  É evidente que nos ultimo anos, o Brasil passou por um aprofunda crise econômica, acarretando problemas com, aumento dos custos de vida e desemprego. Dessa forma, percebe-se que, a informalidade e a busca de empregos informais cresceram de maneira exponencial, sendo as formas mais rápidas e simples de garantir o próprio sustento, não sendo, porém, benéfica a longo praz, uma vez que, o individuo perderá privilégios como o pagamento do décimo terceiro e férias remuneradas, como também para o Estado, que sofrerá com a diminuição na contribuição da previdência.


  Dessa maneira, as ineficientes medidas governamentais para combater a crise, corroboram para o aumento cada vez maior de empregos informais. Conforme pesquisas, o número de trabalhadores tem de fato aumentado, entretanto, não de maneira legalizada e que beneficiem ambos os trabalhadores e o Estado. Logo, são visíveis os efeitos de uma crise prolongada que tende a mudar drasticamente o mercado de trabalho brasileiro. No entanto, uma vez acomodados, os trabalhadores não buscam evoluir e buscar melhor qualificação, acarretando em maiores restrições sociais e elevados índices de pobreza.


  Além disso, o que parece uma redução para a falta de emprego é, na verdade, uma forma de desvalorização do tal, de modo que, muitas pessoas formadas e capacitadas academicamente precisam recorrer aos trabalhos informais para sobreviver devido às baixas oportunidades. Ademais, a falta de proteção e garantias como licença maternidade e contribuição previdenciária contribui para uma maior busca de políticas públicas. Por isso, é fundamental a geração de empregos formais, sendo benéfica para o Estado e para melhorar a qualidade de vida da população.


  Torna-se evidente, portanto, a necessidade de repensar medidas que colaborem para a maior geração de empregos formais. Assim, cabe ao Ministério do Trabalho buscar reverter os quadros de desemprego, garantindo as empresas maiores condições de contratação, por meio de incentivos fiscais e diminuição dos custos de admissões formais. Outrossim, faz-se necessário um novo sistema de regulação que busque ampliar e melhorar as capacidades dos trabalhadores, levando assim, a uma maior qualificação e capacitação dessas pessoas.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde