O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

O agronegócio como ameaça ao meio ambiente

  A Constituição Federal de 1988, documento jurídico de máxima importância do país, prevê no Artigo 225.°, o dever e de defender e preservar o meio ambiente para as presentes e futuras gerações. Entretanto, tal prerrogativa não tem se refletivo com êxito quando se trata do agronegócio e a atual ameaça ao meio ambiente no Brasil. Sob esse cenário, tanto o uso descontrolado de produtos químicos quanto a alta demanda de mercado geram perigos a natureza.


  Em primeira análise, cabe frisar que o uso desordenado de agroquímicos é um intensificador em ameaças ao ecossistema brasileiro. Vale ressaltar que, nos últimos 5 anos, os grandes produtores visam atender altos números em demandas de produtos, e que, para isso seja possível com máxima eficácia possível, faz-se necessário a utilização excessiva de fertilizantes e agrotóxicos. Coerente a isso, durante o ano de 2019 foram aprovados cerca de 160 tipos de agrotóxicos pelo presidente da República Jair Messias Bolsonaro, segundo o portal de notícias G1, e que, juntamente com essa utilização exacerbada, é necessário ressaltar os intensos danos ao meio ambiente como: acidificação dos solos, contaminação de reservatórios de água e eutrofização.


  Ademais, deve-se destacar, também, a alta demanda do mercado. De acordo com a teoria malthusiana, há uma desproporção entre o crescimento populacional e a capacidade de produção da terra, na qual a densidade da população cresce de forma mais acelerada que a produção de alimentos. De fato, com a demanda de produtos cada vez maior, os produtores buscam uma forma de aumentar sua produção, expandindo as terras e o intensificando o uso de maquinas nas atividades agropecuárias. Seguindo esse parâmetro, os territórios protegidos por leis estão sendo ameaçados por essa expansão, nas quais principalmente, apresentam reservas florestais e que são completamente destruídas para que sejam possíveis os crescimentos territoriais. Tudo isso acarreta o aumento das queimadas e de desmatamento, intensificando os impactos ambientais âmbito brasileiro.


  Portanto, tais problemas no meio ambiente gerados pelo agronegócio exigem medidas urgentes. Sendo assim, é necessário que o Ministério da Agricultura reduza grande parte dos tipos de agrotóxicos liberados no país, por meio de novas medidas judiciais que proíbam a utilização dos mesmo, para que assim seja possível diminuir as ameaças ao meio ambiente. Além disso, é preciso que também o Ministério da Educação e a mídia promovam campanhas sociais, por meio de palestras educativas sobre a importância de consumo e agronegócio sustentável. Dessa maneira, o Artigo 225.° poderá ser cumprido com efetividade e o meio ambiente será preservado para as gerações futuras.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!