ENTRAR NA PLATAFORMA
O abuso de poder e de autoridade no Brasil

 Segundo o filósofo Platão na sua obra A repúbica, a moral privada é considerada inferior à moral pública e ,por conseguinte, os interesses pessoais devem estar aquém dos interesses coletivos. No entanto, na atual realidade brasileira, verifica-se que as práticas relacionadas a abusos de poder e autoridade subvertem esse pensamento, haja vista que ,ao cometer essa ação, as consequências  geradas para a sociedade não são consideradas e ela passa a ser recorrente devido, majoritariamente, à má formação educacional e à raízes históricas.


 A princípio, é válido ressaltar que os abusos gerados em posse de poderes, na maioria das vezes, transgride as leis propostas pelo país e como qualquer outra infração geram complicações sociais. Em vista disso, alude-se ao pensamento do filósofo Paulo Freire ao afirmar que "se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda". Nessa perspectiva, é notável a importância que as instituições de ensino possuem quanto a resolução da problemática, haja vista que muitos indivíduos não sabem quando estão indo contra as leis por causa de desconhecimento e também por não estarem cientes das implicações causadas por suas atitudes a sociedade. Assim, as escolas e as famílias vão colaborar para que as pessoas sejam mais respeitosas as regras da constiuição.


 Outrossim, percebe-se que os abusos de poder e autoridade estão fundamentados em raízes históricas que se reverberam até hoje. Nesse âmbito, é indubitável que as fases do sistema político brasileiro conhecidas como Estado Novo e  Ditadura militar agiram , em muitos casos, de maneira arbitrária e ilegal, influenciando a mentalidade das pessoas até hoje. Esse fato pode ser comprovado pelo pensamento do contratualista Jean Jacques Rousseau ao evidenciar que "o homem nasce bom, mas a sociedade o corrompe". Dessa forma, observa-se que as atrocidades geradas naquelas épocas moldaram a mentalidade das pessoas a acreditaram que os abusos de poder não seriam punidos pelo Estado, o que justifica a presença dessa postura até hoje. 


 Portanto, diante dos fatos supracitados, faz-se necessário que o Governo Federal busque realizar medidas que diminuem os casos de abusos de poder e autoridade no país, por meio de parcerias com escolas que passariam a fazer projetos elucidativos(distribuição de cartilhas, rodas de conversa e palestras), com o intuito de conscientizar a população quanto as consequências dos casos de imoderaçao sobre o uso do poder e autoridade. Ademais, o Estado deve por em prática ações públicas destinadas a dissolver a mentalidade social que muitos indivíduos possuem e que reverbera até hoje no país, a fim de que as premissas propostas por Platão possam ser cumpridas.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde