ENTRAR NA PLATAFORMA
Memória e a preservação do patrimônio cultural
*No Brasil,as discussões acerca do patrimônio cultural oportunizam reflexões sobre a desvalorização da cultura nacional por parte dos cidadãos e sobre as formas de memória e preservação desse bem cultural.Nessa perspectiva,cabe aos governantes e à população refletir sobre a importância da cultura,com consequente valorização do papel deste legado para a identidade brasileira.
*Um dos aspectos relacionados ao descrédito cultural diz respeito à existência de problemas básicos e não resolvidos na nação,como pobreza e falta de escolaridade,o que limita a possibilidade de fruição do patrimônio.Além disso,a salvaguarda do patrimônio histórico tornou-se sinônimo de tombamento,avaliado de acordo com quesitos definidos por um grupo de pessoas,o que prejudica a implementação de medidas públicas mais abrangentes.Como consequência,ocorre uma apatia tanto por parte dos políticos quanto da sociedade no tocante a herança cultural do Brasil.
*No passado,não havia políticas de incentivo cultural e instituições de proteção do patrimônio material e imaterial.Hodiernamente,com a existência da Lei Rouanet,houve o fomento à cultura e, com a atuação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional,mais de 1200 bens foram tombados.Apesar disso,questões como a destruição e descaracterização de potenciais bens culturais,sobretudo por causa da especulação imobiliária,demonstram que o Estado ainda não alcançou a eficiência desejada.
*Segundo a Constituição Federal de 1988 o governo deve promover a defesa e valorização do patrimônio cultural brasileiro.Contudo, o baixo número de frequentadores de museus,que é de aproximadamente 20% da população e o incêndio no Museu Nacional,no Rio de Janeiro expressam uma realidade bastante desfavorável.
*Dessa forma,é premente que o Ministério da Cultura em associação com o Ministério da Educação promova uma maior acessibilidade à cultura nas escolas e também nas favelas e periferias,através de atividades lúdicas,palestras e incursões a museus como forma de integração sociocultural desses indivíduos e desenvolvimento da admiração à historia do Brasil.Por fim,é necessária a participação de diversos segmentos sociais nas políticas de fomento e preservação cultural de forma que possa contemplar a diversidade e contribuir para a ampliação e defesa do patrimônio,memória e da identidade coletiva.


Os parágrafos não constaram na hora do envio e os * são para indicá-los
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde