ENTRAR NA PLATAFORMA
Lixo eletrônico e impactos socioambientais

 Na obra "Utopia", do escritor inglês Thomas More, é retratado uma sociedade perfeita, na qual o corpo social padroniza-se pela ausência de conflitos e problemas. No entanto, o que se observa na relidade conteporânia é o oposto do que o autor prega, uma vez que, o lixo eletrônico e impactos socioambientais apresentam barreiras, as quais dificultam a concretização dos planos de More. Esse cenário antagônico é fruto da ineficiência estatal, tanto quanto a falta de conciêntização da população. Diante disso, torna-se fundamental a discurção desses aspectos a fim do pleno funcionamento da sociedade.


 Mormente, é fucral que o descarte incorreto do lixo eletrônico, deriva da baixa atuação dos setores governamentais, no que conserne à criação de mecanismos que coíbam tais recorrências. Segundo o pensador Thomas Hobbes, o estado é responsável por garantir o bem-estar  da população, entretanto, isso não ocorre no Brasil. Devido a falta de atuação das autoridades, no país não se encontra com grande facilidade um local para o descarte correto de lixo eletrônico causando assim, o hiper acumulo de baterias, celulares e outros eletrônicos desgastados em locais inaprópriados causando a poluição ambiental. Desse modo, faz-se mister a reformulação dessa postura estatal.


 Ademais, é imperativo ressaltar a conciência populacional como promotor do problema. Segundo  o site de notícias G1, o Brasil é uma dos países que mais trocam e descartam smartphones no mundo. Partindo desse presuposto, o consumo exagerado sem nenhuma conciência, alevanca o aculomo de lixo eletrônicos no país. Tudo isso retrata a resolução do empecilho ja que a falta de conciência contribui para a perpetuação desse deletério.


 Fica evidente, portanto, que medidas devem ser executadas para conter o avanço da problemática na sociedade brasileira. Dessarte, com o intuito de mistigar o e-lixo e seus impactos ao meio ambiente, necessita-se, urgentemente, que o Tribunal de Contas da União direcione capital que por intermedio do Ministério do Meio Ambiente séra revestido em amplificações de centros de reciclagem para que a população tenham um local mais acessível para o descarte correto dos eletrônicos, com o objetivo de diminuir a poluição que tais lixos trasem ao meio ambiente. Desse modo, aternua-se-á, em médio e longo prazo, o impacto do e-lixo, e a coletividade alcançará a Utopia de More.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde