O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Justiceiros

É irrefutável que a violência nas cidades não seja anacrônica a sociedade hodierna. Apesar da visão romantizada contextualizada sobre a Antiguidade, na Roma Antiga a incidência de homicídios e assaltos era na prática alta, visto que a falta de planejamento urbano das cidades e o combate aos crimes contra o cidadão se apresentavam concomitantemente.
Assim como, no Brasil, a Constituição de 1988 alega, o direito à segurança publica é compartilhado por todo o contingente demográfico, contudo, não é incomum a eficácia desta lei configurar-se duvidosa , na medida que a própria população prontifica-se a solucionar o impasse com autonomia e independência do Estado, apelando á violência como forma de remediar a questão.
Acresce que, tal repressão apenas ocasiona um ciclo vicioso de violência, tal como identificado nos Estados Unidos durante a proibição legal de bebidas alcoólicas no território, fomentando o tráfico e a violência urbana, que incitou em maior proporção os casos de justiça social, aderido até mesmo pela indústria cultural, na figura de heróis ,como o Batman, que através de outras ilegalidades buscavam exterminar as injustiças regionais.
Portanto, medidas são necessárias para resolver o imbróglio, por meio de ações do Ministério de Justiça que garantam segurança nas cidades com melhoras nos setores militares e de vigilância social, com uma parcela do capital oriundo da Receita Federal, de modo que a prevenção se apresente sobre a repressão, intervindo através dos policiais responsáveis pela qualidade de vida do cidadão providos adequadamente.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!