O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Indígenas brasileiros na contemporaneidade

Nos gibis de a "Turma da Mônica" um dos personagens é o "papa-capim", que é um índio, e em uma de suas tirinhas mostra as ações do homem na natureza e que os chamam de progresso. Fora dos quadrinhos não é muito diferente, pois os índios vivem em conflitos por terras, sofrendo invasões por madeireiras e garimpeiros, necessitando de soluções precisas para o impasse.
De acordo com a Fundação Nacional do Índio(FUNAI), quase metade da população indígena brasileira vivem em área urbana devido á esse fluxo de ir em busca das terras indígenas. Esse impasse constante se dá por conta de que nos espaços rurais denominados ao restante do povo brasileiro não há mais locais disponíveis que possam satisfazerem o crescimento industrial do país.
Contudo, mesmo em vista que na Constituição de 1988 foi criado um sistema que pudesse proteger os direitos indígenas e seus interesses, mas a sociedade não respeitam essa limitação. Tornando assim as ações feitas pelo governo fiquem ineficiente.
Como já dizia o educador Paulo Freire: "Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda". Dessa forma cabe os Ministério da Educação promover mudanças no pensamento da sociedade conscientizando-os, através de palestras e campanhas ministradas por psicopedagogos, psicólogos e professores, para ampliar o debate sobre as terras indígenas e fazer com o que as ações do governo sejam eficaz, visto que é um tema tabu na contemporaneidade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!