ENTRAR NA PLATAFORMA
Impactos do Agronegócio na saúde

             Há diversos aspectos que necessitam da atenção do governo e da pactuação social e política, de forma mais consolidada, a fim de promover o bem-estar da sociedade. Em destaque, registra-se a questão dos impactos do agronegócio na saúde, uma vez que parece ineficaz a atuação do governo em garantir um crescimento dessa atividade sem colocar em risco a segurança da população brasileira.


          Nesse contexto, apesar de a expansão da fronteira agrícola no Centro-Oeste e na Amazônia no século XX e a crescente associação da atividade rural com a atividade industrial ter possibilitado o desenvolvimento do agronegócio e o consequente crescimento econômico brasileiro, mostra-se explícita a ineficiência do Estado brasileiro em banir e em fiscalizar a entrada de diversos agrotóxicos que muitas vezes são recusados em países europeus. Tal problemática se torna aspecto preocupante na medida em que o uso inconsequente desses pesticidas ocasionam doenças, a exemplo de câncer e de problemas comportamentais.


          Outrossim, é importante destacar que, de acordo com o último Censo Agropecuário feito pelo IBGE, a agricultura familiar é a base da economia de 90% dos municípios brasileiros com até 20 mil habitantes; todavia, é notório a precária assistência do Estado oferecida aos pequenos  agricultores que muitas vezes não apresentam condições para investir na plantação. Isso faz com que haja uma redução no número de alimentos saudáveis, uma vez que, nesse tipo de agricultura, boa parte dos alimentos  produzidos são orgânicos isentos de agrotóxicos, favorecendo, assim,  a saúde.


          Desse modo, para que o Governo Federal atue de forma mais eficiente, compete a este intensificar o banimento de agrotóxicos por intermédio da criação de leis, uma vez que boa parte dos que entram causam graves problemas à saúde. Assim, será possível estimular o agronegócio cada vez mais crescente sem causar danos aos consumidores.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde