ENTRAR NA PLATAFORMA
Impactos do Agronegócio na saúde

 É notório que após a revolução verde a agricultura
tornou-se mais moderna e eficiente. Conquanto, os
impactos na saúde tem conseguido resultar a herança
deixada pela revolução em uma vilã. Nesse sentido,
convém analisarem as principais consequências de
tal postura negligente para a sociedade.
   O agrotóxico tem causado vários malefícios a
saúde humana, pois ao ser utilizado para proteger
as plantações acaba por intoxicar muitas pessoas ao
se alimentarem ou até diretamente. Segundo o Correio
Braziliense, em 2015 o Mapa aprovou 139 agrotóxicos,
subindo para 450 em 2018. Diante do exposto é inadmissível
que está situação continue, haja vista que, se prossiga
assim a tendência é um maior aumento de intoxicações, se
levado em conta a alta relação de nossa alimentação com
os produtos derivados da agricultura.
   É necessário, ainda, salientar a escassez de subsídios
para a agricultura familiar e orgânica como impulsionadora
do problema. Segundo o cientista Albert Einstein, sem
cultura moral não haverá nenhuma saída para os homens. Diante
de tal contexto é perceptível uma maior facilidade em se
obter produtos com agrotóxicos por serem mais baratos, e assim
atingem demasiadamente a população, ocasionando em problemas
de saúde como cancêr ou ate distúrbios comportamentais.
   Portanto, medidas são necessária para resolver esse
problema. Nesse âmbito é preciso a ação do estado em
introduzir novos métodos de proteção a lavoura, como
sistemas agroflorestais e biodefensivos. Também um maior
suporte a agricultura familiar e orgânica para que assim
tenham menos alimentos com agrotóxicos e consequentemente
menos intoxicações.
 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde