ENTRAR NA PLATAFORMA
Impactos do Agronegócio na saúde

Durante o Século XX houveram diversas evoluções na ciência,uma dessas mudanças foi na área de alimentos,onde cientistas descobriram formas de usar compostos químicos para fazer com que frutas, legumes e grãos fossem cultivados em maior escala e com menos perda durante o processo. Contudo, esses alimentos que deveriam trazer apenas benefícios para a saúde, começaram a causar fortes impactos nocivos à saúde,tendo grande impacto no Brasil por causa da alta produção e consumo.No entanto, com o passar do tempo,cada vez mais agrotóxicos são liberados e cada vez menos se fala sobre esse assunto na mídia e nas escolas,deixando a população ainda mais exposta a esses venénos. Assim, cabe analisar sobre as causas e consequências do problema supracitado.
   Primeiramente,nota-se em nosso país,que durante décadas, os governos não encararam a questão da saúde da população com seriedade,deixando-os sem aparo quando adoecem e sem meios cabiveis para a prevenção.Segundo Dados do Ministério da Saúde,na última década foram registrados 40 mim casos de intoxicação por causa de agrotóxicos.Esse fato mostra como que a população tem difícil acesso a alimentos de qualidade,tendo em vista que quanto mais puro for o alimento,por mais caro ele vai ser vendido,prejuldicando a classe baixa e média da sociedade.
Outrossim,é a falta de responsabilidade na qual o Estado esta tendo com a aprovação da entrada de novos agrotóxicos em nossa sociedade. No Brasil, por mais que hajam diversos casos confirmados de propblemas na saúde por causa desses químicos,o Ministério da Agricultura aprovou a entrada de outros 450 tipos de agrotóxicos,alguns que foram reprovados por toda Europa.Consequentemente,o número de pessoas afetadas aumentará cada vez mais,fazendo com em poucos anos o Brasil tenha que investir em programas de desentoxicação da população e de seus produtos alimentícios. Assim sendo, é inaceitavel que um país signatário do Tratado Universal dos Direitos Humanos,deixe seus habitantes em tamanho risco.
   Desse modo,o Legislativo deve criar leis de proteção alimentar que proibam os agrotóxicos mais danosos ao organismo humano,por meio de leis ordinárias para que essa possa ter a possibilidade de passar mesmo contra a vontade da Bancada Ruralista na câmara, porque necessitam de menos votos.De outro lado,é necessário que o Ministério da Saúde e da Agricultura façam palestras nas escolas e propagandas na mídia mostrando o mal que os agrotóxicos causaram a vida de outros,por meio de depoimentos de pessoas que passaram por problemas causados por esses venénos. Espera-se, com isso, que a população venha a diminuir a ingestão de alimentos contaminados,e acima de tudo, que possam fazer suas próprias ortas residenciais, para que possam ter ao menos alguns alimentos realmente limpos.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde