O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Imediatismo da sociedade moderna e a dificuldade em lidar com as frustrações

O fordismo, modelo industrial que visa a produção em alta escala em um curto espaço de tempo, teve como fruto, o imediatismo, que acentua-se cada vez mais na contemporaneidade. Percebe-se que, no status quo, é comum a busca por processos ágeis, configurando assim, indivíduos que fogem de mediações. Entretanto, é um comportamento benéfico ou maléfico ao meio social¿ Quais as suas consequências¿
É notório que as exigências passaram a ser em relação ao tempo e este passou a ser o nosso maior inimigo. Ao exemplo disso, secundaristas sofrem pressão para que o ingresso ao ensino superior seja de imediato ao término do colégio. Como também, pais vivem a procurar cursos de inglês para seus filhos que prometem resultados grandiosos em menos de um ano. Posto isso, vê-se que a vontade de que tudo aconteça no agora já faz parte de nossa sociedade. Conquanto, tais atitudes podem acarretar em desgastes mentais, visto que, as obrigações são de que as coisas realizem-se sem intermédios, causando ansiedade e estresse. Portanto, é nítido que este é nocivo, devendo ser plenamente analisado pela sociedade, a fim de que suas consequências não dominem todo o meio.
Sabe-se que, desde a Revolução Industrial, veem crescendo absurdamente o número de casos de doenças como ansiedade, depressão, estresse e síndrome do pânico. À vista disso, compreende-se que, a busca incessável pelo imediato traz como consequência, danos à saúde mental da humanidade. Sendo assim, verifica-se que tal maneira de agir não é a mais adequada, devendo ser evitada ao máximo para que transtornos como tais não passem a dominar outros cidadãos. Deste modo, o governo deve propor alternativas para que sua população possa ter uma vida livre de tais empecilhos.
Levando em consideração os aspectos supracitados, o imediatismo na contemporaneidade mostra-se altamente destrutivo à comunidade. Por conseguinte, o Ministério da Saúde deve promover campanhas para falar de transtornos mentais e suas causas, salientando para o modo de vida moderno, além de incentivar, por meio de propagandas, atividades terapêuticas como meditação e exercícios físicos a fim proporcionar relaxamento mental. Juntamente à ele, àqueles que são influentes nas mídias sociais, como youtubers, devem alertar a população, por meio de vídeos interativos, sobre os efeitos perigosos de desejar que tudo se resolva de súbito.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!