O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Homossexualidade e preconceito no Brasil

A comunidade LGBT ( lésbicas, gays, bissexuais e transsexuais ) enfrenta uma luta diária contra a constante opressão ainda presente na sociedade brasileira. Segundo uma pesquisa realizada em 2016, pelo Grupo Gay da Bahia (GGB), o Brasil é tido como o país com o maior número de assassinatos dessa população sendo a homofobia e a transfobia, a maior causa deles.
A homossexualidade ainda é tida como crime em mais de setenta países, demonstrando assim, a crescente e persistente discriminação àqueles que apenas se mostram diferentes ao tradicional e por isso são inferiorizados ou, em situações extremas, agredidos e assassinados.
São amplos os âmbitos em que os homossexuais ainda sofrem preconceito. Na busca por um serviço, na dificuldade da realização e do reconhecimento legal da união homoafetiva, e até mesmo, na marginalização que enfrentam por algumas igrejas que vêem a homossexualidade como hostilidade à seus dogmas.
Portanto, é essencial a elaboração de multas significativas e encarceramento àqueles que praticam a intolerância à esse grupo social. É preciso que sejam realizadas palestras com psicólogos em instituições de ensino para orientar os jovens da importância do combate às práticas de homofobia. É necessário também que o Ministério dos Direitos Humanos desenvolva políticas mais eficazes, em parceira com a mídia, com a criação de campanhas de conscientização, que visem principalmente, a inclusão social da população LGBT para que desta forma, as pessoas não associem o diferente a algo condenável.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!