O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Habitação no Brasil

Durante a década de 40, quando começou o chamado "baby boom", o Brasil começou a apresentar altas taxas de natalidade, caracterizando um problema que persiste até os dias atuais: a falta de habitações e a precariedade de algumas delas. Diante disso, milhares de pessoas são obrigadas a habitar locais sem segurança e estrutura. 


A princípio, é necessário analisar as causas das condições precárias de moradia. Segundo um estudo feito em 2015 pela Fundação Getúlio Vargas, aproximadamente 7,7% da população brasileira não possui habitação, algo, que pode ser explicado por diversos fatores, como baixa renda, falta de apoio familiar e desemprego. Existem programas que tentam amenizar tal situação, a exemplo, o Minha Casa, Minha Vida, mas infelizmente não é suficiente para resolver o problema.


Além disso, é importante citar aquelas pessoas que vivem em locais inadequados. É extremamente comum, principalmente em grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro, encontrar residências em morros, o que gera em períodos chuvosos, deslizamentos de terra e consequentemente prejuízos e mortes. Somado a isso, tem-se a falta de estrutura, como saneamento básico, escolas próximas, hospitais e demais serviços.


Portanto, fica claro como alguns cidadãos sofrem com a falta de moradia. Cabe ao Governo Federal, criar mais programas que facilitem a obtenção de uma residência, por meio de parcerias com bancos e construtoras, objetivando dar mais crédito aos brasileiros e conseguir abaixar os preços dos produtos de construção. Dessa forma, será possível atenuar o problema e aumentar a qualidade de vida da população.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!