O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Habitação no Brasil

No antro da crise habitacional brasileira

A história econômica brasileira apresenta fatos relevantes que corroboram com as dificuldades que o país enfrente hoje em lidar com a crise habitacional. Fatos que foram marcados na Era Vargas (1930-1950) e a fase Juscelino Kubitschek e dos militares (1955-1985). São períodos de forte crescimento industrial, que por sua vez, centralizou a economia das regiões Sul e Sudeste , provocando uma intensa emigração, principalmente vindas do Norte e Nordeste do país, em consequência da alta carência de mão de obra nessas regiões.
Em virtude dos fatos e a ausência de um planejamento habitacional adequado, ocorreu expansão desordenada das Metrópoles. Por conta dos modelos econômicos adotados pelos militares, grande parcela da população sofreram com a alta da inflação e desemprego, que lhes impossibilitou a locação e imóveis e a aquisição do próprio imóvel. Sendo assim, muitos espaços foram invadidos, dando origem a grandes comunidade e favelas, e consigo, bolsões de pobreza e miséria que se espalharam por todo país.
Os anos se passaram e hoje podemos observar o reflexo do passado. Segundo os dados publicados no site da BBC, 7 milhões de pessoas vivem sem moradia no Brasil e outras 1,1 milhões moram em áreas de alto risco. Dados que vão contra ao artigo 6º da Constituição Federal, prevê que todo cidadão brasileiro tem direito a moradia, porém não diz como e quando esse direito prevalece.
Dessa forma, em virtude do passado histórico do país e de suma importância que seja adotada uma austeridade politica, social e econômica envolvendo tanto o poder publico quanto à própria população. A criação de ONG focada no empreendedorismo social na construção de moradias populares devem ser estimuladas, cujo material a ser usado tenham isenções fiscais em redes credenciadas pelo Governo. O apoio jurídico gratuito para legalização dessas área é imprescindível. Por fim, é possível que haja a diminuição desse abismo social na qual se encontra o Brasil , tornando uma sociedade mais justa e igualitária.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!