ENTRAR NA PLATAFORMA
Excesso de trabalho e saúde mental

     De acordo com o Ministério da saúde, o excesso de trabalho vem se tornando cada dia mais comum para milhões de brasileiros.Seja para quitar dividas ou por uma busca obcessiva de sucesso,o excesso de trabalho está acarretando em consequências morbidas á saúde mental e fisica, mas também ao rendimento economico do pais e do mundo.


     O trabalho adoence e mata as pessoas, afirma o pesquisador e escritor Jeffrey, da falculdade de Stenford, nos Estados Unidos. Renda familiar baixa, salário injusto,mecanismo de fulga para problemas pessoais, alto inferiorização e ganancia. São alguns dos  problemas que levam um profissional a exceder  a carga horaria de trabalho considerada saudável.As consequências mais comuns são;Depressão, ansiendade, deterioração de relações familiares e socias,insônia entre outros.


     Cabe também ressaltar que essa problematica não afeta somente a vida pessoal!De acordo com a OMS ( Organização Mundial de Saúde), um trilhão de dólares são perdidos por ano por conta do esgotamento profissional.No Brasil esse esgotamento se dá pela exigencia de se produzir muito em pouco tempo,com isso se compromete a eficiência do empregado e consequentimente o faturamento da instituição.    


      Em virtude dos fatos apresentados,é viável pensar em soluções para o problema.O Ministério do Trabalho deve consolidar leis de acompanhamento psicológico para todas as classes trabalhadoras.De forma que  profissinais psicoterapeutas possam acompanhar e evitar casos de distúrbios mentais que possa prejudicar o empregado,além de garantir salário justo para os profissionais.Assim formando trabalhadores motivados e saúdaveis para gerar lucro as empresas.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde