ENTRAR NA PLATAFORMA
Excesso de trabalho e saúde mental

No limiar do século XXI, observa-se uma sociedade, quase que completamente, dedicada em excesso à vida trabalhista, uma vez que esta direciona ao sucesso, à evolução e ao desempenho financeiro individual. Além disso, é de extrema importância focalizar à saúde mental, em meio a um cotidiano exaustivo e monótono; visto que a sociedade tem enfrentado constantemente uma crise relacionada a este fator.


É indubitável que o cidadão deve exercer sua profissão sempre com excelência e buscar evoluções e melhorias diariamente. No entanto, a população tem esquecido de acrescentar, além de compromissos associados ao trabalho, atividades que possuem mesma relevância e são capazes de proporcionar inúmeros benefícios ao cotidiano dos cidadãos; momentos de lazer e de realizações pessoais, têm sido excluídos do dia a dia dos indivíduos, já que os mesmos encontram-se, obcecados, por seus empregos.


Outro fator imprescindível, são as consequências geradas pelo exagero relacionado a trabalhos e empregos, o desgaste causado por acúmulo de estresse e cansaço, pode com certeza, afetar à saúde mental dos cidadãos. Nesse sentido, é relevante destacar que distúrbios psicológicos e doenças muito graves, podem surgir em virtude de tais acontecimentos. Nessa perspectiva, é de extrema importância ressaltar o possível declínio na qualidade de vida de determinado indivíduo.


Evidencia-se, portanto, a necessidade de uma intervenção do Governo Federal, juntamente com o superministério da Justiça, que devem por meio de fiscalizações assíduas e multas de valor elevado, assegurar que não haja ultrapassagem de cargas horárias, evitando assim, o excesso de trabalho. A mídia e a própria sociedade, unidas, devem promover uma autoconscientização da população, através da divulgação de matérias e campanhas que estimulem a mesma, a fim de ocasionar uma ascensão na qualidade de vida dos cidadãos e uma sintetização de tal problemática.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde