ENTRAR NA PLATAFORMA
Excesso de trabalho e saúde mental

Título: Demanda perigosa.


Dentre as diversas profissões que existem no mundo, a carreira de um médico torna-se uma das mais desgastantes devido à alta demanda de trabalho e  os impactos recorrentes da responsabilidade do profissional, tratando-se de uma vida. Sob essa óptica, no século XXI, devido à competititividade do mercado, assim como as elevadas demandas de trabalho, muitas pessoas têm desenvolvido quadro de esgotamento físico e mental, conhecido como síndrome de burnout. Ao passo que, o profissional se torna cada vez mais valorizado pelos esforços e desempenho irrefutável, a sua saúde fica comprometida diante dos limites físicos do ser humano.


Em primeiro plano, diante do crescimento populacional e modernização do mercado de trabalho, o atual profissional vive em um cenário de competitividade e requisitos de desempenho elevados. Hoje em dia, se forma muito mais profissionais do que antigamente, tornando o mercado saturado em diversas áreas, fazendo com que destaques de atividades acadêmicas e profissionais sejam motivos de ascensão na carreira de uma pessoa. Por mais que as pessoas consigam cumprir suas metas necessárias, o profissional de hoje está sempre na busca pela elevação de objetivos e metas, buscando destaque em sua área e progressiva promoção. Visto que, existam os méritos da dedicação ao aprendizado e atingimento de tarefas, a pressão que se exerce sobre o profissional devido à competitividade, é alta, e portanto, para se diferenciarem pelos seus esforços, as pessoas ultrapassam seus limites físicos e mentais à fim de atingirem tais destaques e assim adquirirem promoções em seus trabalhos.


Conforme  o mercado se torne mais competitivo e faz com que as pessoas também se tornem mais competitivas, a saúde pública evidencia ,cada vez mais, casos de depressão e ansiedade, condições de trabalho desgastantes e demandas absurdas, o cenário profissional tem gerado em algumas pessoas tensão emocional e estresse excessivo, propiciando o aparecimento de doenças psíquicas em elevada taxa. Por conta do excesso e condições desgastantes de trabalho, algumas pessoas abrem mão de seus lazeres e até mesmo condições de higiene para atenderem às demandas de sua profissão, contribuindo para o esgotamento mental, ultrapassando os limites favoráveis de uma boa saúde e qualidade de vida.


Portanto, é mister que o Ministério do Trabalho organize e monitore as legislações trabalhistas junto ao setor privado e forneça condições sustentáveis aos limites físicos do ser humano, redijindo de forma respeitável os horários de funcionamento dos comércios referente à cada setor, assim como estruturas as carreiras profissionais para melhores condições de trabalho, como limites de horário de trabalho. Dessa forma, deve-se criar junto a estes direitos trabalhistas, uma integração mais justa dos profissionais, através de dinamização da economia para criar novos postos de trabalhos à fim de combater  o excesso de carga horária perante um profissional, tal qual novas oportunidades de emprego para que o mercado não torne-se saturado e assim crie um cenário justo de demanda e promoção no ambiente trabalhista.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde