ENTRAR NA PLATAFORMA
Excesso de trabalho e saúde mental

Promungado pela ONU em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante a todos invivíduos o direito a saúde e ao bem-estar social. Entretanto, o excessivo trabalho por uma parte da sociedade gera doenças físicas e mentais, impossibilitanto que essa parcela da população desfrute desse direito na prática. Nesse sentido, faz-se necessário que subterfúgios sejam encontratos a fim de resolver essa problemática.


Em primeira instancia, o trabalho desmoderado pode causar problemas pscíquicos como a sindrome de burnout. Nessa perspectiva, o pscicólogo alemão Hebert J Freudenberger classifica essa patología como o esgotamento físico e mental ligado a vida profissional. Com base nisso, essa sindrome impede que o trabalhador desempenhe seu maximo potencial em seu emprego e na sociedade.


Faz-se mister, ainda, salientar as péssimas condições de trabalho como impulcionadoras do esgotamento corporal e intelectual. Sobre esse viés, de acordo com a Secretaria de Previdência no ano de 2018 quase dobraram os pedidos de auxilio doença por este motivo em relação a 2017. Diante disso, não só o estado brasileiro brasileiro está se individando com gastos previdenciários que prejudica o seu desenvolvimento, mas também a população sofre com situações de serviço insatisfatórias, sendo assim imprescindível que rápidas medidas sejam implementadas para mitigar esse impasse.


Infere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir o direito a saúde e satisfação social para construção de um Brasil melhor. Dessa maneira, urge que o poder legislativo faça uma lei para garantir que em toda empresa tenha ao menos um pscicólogo para atendimento mensal de todos os trabalhadores garantindo assim uma melhoria da saúde mental dos mesmos. Además, os sindicatos devem exigir melhores condiçoes de trabalho como pelo menos 3 dias de folga por mes que deveram ser para o descanço físico. Dessa forma o Brasil poderia deixar essa mazela no passado.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde