O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Enfrentamentos da mobilidade urbana no Brasil

No século XX, o prefeito Pereira Passos realizou intensas mudanças na infraestrutura da cidade do Rio de janeiro com intuito de melhorar as condições de vida dos habitantes. No entanto, é notável que nos dias atuais as grandes metrópoles se encontram com péssimas estruturas que inferem na mobilidade urbana. Por isso, torna-se necessário o debate acerca do assunto enfrentado atualmente no Brasil. Primeiramente, é ínclito principal culpado o Governo. De acordo com a Declaração Universal dos Direitos Humanos promulgada pela ONU em 1948, é direito de todo indivíduo o bem-estar social garantido pelo Estado. Conquanto, o engarrafamento nas cidades enfrentado todo dia pelos cidadãos reflete que esse direito na realidade não está sendo cumprido. Evidenciando assim, o total descaso de políticas públicas voltado ao assunto. Em segundo lugar, cabe ressaltar o aumento do preço da passagem dos modais de transporte dos centros urbanos. Em uma pesquisa publicada pelo jornal O Tempo, demonstra que entre 2016 e 2017, coletivos perderam 33 milhões de passageiros que, em sua maioria, consideravam o modal caro e sem qualidade. Tal preceito demonstra a escolha pelos usuários em obter seu próprio veículo com a intenção de economizar mais, optando na maioria das vezes por carros e motos e contribuindo cada vez mais com o excesso desses comboios nas ruas, ampliando o problema dos congestionamentos. Portanto, é necessário que o Estado realize medidas para erradicar o quadro atual. Para que amenize o número de transportes, seria de suma importância o Governo, em parceria com Empresas e associações privadas de locomoções urbanas, implementem projetos sociais que visem a diminuição do preço e contribuam para que as pessoas optem em deixar seus veículos em casa e fazer o uso dos modais públicos. Somente assim, adquirindo meios coletivos mais acessíveis, poderá erradicar o problema do tumulto de veículos exacerbado nos centros urbanos.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!