O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

ENEM 2019 : Democratização do acesso ao cinema no Brasil

De acordo com a Constituição Federal de 1988 é direito de todo brasileiro o acesso à cultura. Nesse contexto, é indubitável que é dever do Estado garantir que a população marginalizada possa desfrutar das experiências cognitivas advindas do cinema. Contudo, as altas tarifas cobradas por exibição de filmes e a concentração dos shoppings nas partes mais ricas dos centros urbanos, impossibilita a ida de pessoas com menor poder aquisitivo. Além disso, tal distanciamento dificulta o desenvolvimento social e cultural do cidadão. 


  Primeiramente, a segregação socioespacial é um dos fatores preponderantes na separação dos indivíduos mais pobres as salas de cinema. Nesse cenário, uma pesquisa realizada pela agência nacional do cinema (Ancine) em 2019, em menos de duas décadas as salas de exibição mais que duplicaram o seu número, entretanto, esse crescimento ocorreu de forma concentrada beneficiando uma parcela menor de pessoas e mais desenvolvidas economicamente. Assim, é imprescindível que o poder público repare os danos causados por essa urbanização acelerada e elitista.


      Em segundo plano, é indiscutível os impactos positivos do cinema na saúde mental da população. Logo após um dia exaustivo de trabalho e problemas do cotidiano, o cinema aparece como uma opção na qual o espectador é capaz de adquirir conhecimento com os filmes e interagir com a família e amigos proporcionando uma riqueza cultural com o convívio em sociedade. Com isso, uma maior acessibilidade a esse ambiente auxiliaria em uma evolução no âmbito intelectual, emocional e cultural do brasileiro.


       Em suma, são necessárias medidas para resolver estes problemas. Cabe ao Ministério da Cidadania, por meio da Ancine, a criação de cinemas móveis em praças públicas e teatros municipais de forma gratuita na áreas menos desenvolvidas das cidades, além da criação de uma lei que determine uma cota de ingressos para associados a programas sociais nos salas já existentes, visando uma aproximação eficiente da população carente com as obras cinematográficas. Dessa maneira, a Constituição Federal será garantida e o acesso ao cinema irá se dar de forma democrática.


 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!