O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

ENEM 2016 - prova 2

Após a abolição da escravatura o negro liberto acabou sendo marginalizado e não tendo pleno acesso a políticas de saúde e educação. Devido a sua origem africana e a seu modo de trabalho anterior, o negro suscitava o racismo que infelizmente repercute até hoje. Os caminhos para se combater o racismo dizem respeito a valorização da cultura afrodescendente e a punição para quem comete tais atos.
A cultura do negro africano foi fundamental na formação da nossa cultura brasileira. A culinária, a religião, os costumes, a língua e várias outras características trazidas pelos negros africanos se fazem presentes até hoje no nosso cotidiano. Essa cultura deve ser aprendida e defendida no sentido de fortalecer nossa identidade nacional.
Um outro fator para se combater o racismo é a punição para quem comete atos de injúria racial e racismo. Isto envolve a criação de leis mais severas como também uma maior fiscalização para coibir atos discriminatórios.
Por tudo isso, entendemos que os caminhos para o combate ao racismo envolvem a participação de toda a sociedade. As escolas deveriam promover debates com os seus alunos sobre a importância e influência da cultura negra nos dias atuais. As empresas deveriam fazer uma campanha nacional alertando para o fato do racismo ser crime. Os políticos deveriam elaborar leis de cotas para uma melhor inserção do negro no mercado de trabalho.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!