O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Educação inclusiva no Brasil

 Discute-se sobre a Educação inclusiva no Brasil, devido sua relevância na sociedade brasileira. Entretanto, há de se considerar os efeitos deste problema na vida das pessoas envolvidas e saná-lo. Como exemplo disso, tem-se o problema da falta de profissionais especializados na área, como intérprete, Braille e libras. Portanto, isso gera uma segragação àqueles que têm oportunidade de pagar uma escola com especialização e outros não. Nesse contexto, evidencia-se à necessidade de serem tomadas atitudes pelas autoridades competentes para reverter essa problemática. De acordo com a Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada em 1948 pela ONU (Organização das Nações Unidas), é direito de todos os seres humanos, sem qualquer distinção, direito à educação. 


 Em primeiro plano, é preciso atentar para a impunidade presente na questão. Nessa perspectiva, a máxima de Martin Luther King de que "A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo lugar", cabe perfeitamente. Desse modo, tem-se como consequência a generalização da injustiça e a prevalência do sentimento de insegurança coletiva no que tange à situação da Educação inclusiva no Brasil.


 Logo, medidas estratégicas são necessárias para alterar esse cenário. Para que isso ocorra, o MEC com o Ministério da Cultura, devem desenvolver palestras em escolas, para alunos do ensino médio, por meio de entrevistas vítimas do problema bem como especialistas no assunto. Tais palestras devem ser conferenciadas nas redes sociais dos ministérios, com objetivo de trazer mais lucidez sobre à situação da Educação inclusiva no Brasil e atingir um público maior. Por fim, é preciso que a comunidade brasileira olhe de um modo mais otimista às diferenças, pois, como constatou Hannah Arendt: "A pluraridade é a lei da Terra".


 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!