ENTRAR NA PLATAFORMA
Doação de Órgãos no Brasil

 A série norte-americana "Grey's Anatomy" retrata o cotidiano do Seattle Grace Hospital, um hospital em Seattle, e na vida dos médicos, cirurgiões e residentes. Sendo um dos melhores hospitais dos Estados Unidos, pessoas de todos os lugares vão para lá procurando atendimento de melhor qualidade e eficiência, porém um dos grandes problemas que afetam o Seattle Grace Hospital é a doação de órgãos. Fora ficção, é fato que a realidade do Hospital Seattle Grace pode ser relacionada ao mundo contemporâneo do século XXI: gradativamente, o problema da doação de órgãos enfrentado pelo Hospital Seattle Grace é retratado pela maioria dos hospitais, seja pela baixa popularidade da prática, ou pela negligência dos familiares dos pacientes diagnósticados com morte encefálica.


 Em primeiro plano, conforme o Art. 5º da Constituição Federal, todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no país a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, entretanto, diversas atitudes que garantiriam o direito à vida, como a doação de órgãos, não são popularizadas. De acordo com o filósofo Immanuel Kant, a vida é o principal direito dos cidadãos. Assim como Immanuel Kant, os profissionais da saúde de "Grey's Anatomy" valorizavam a vida acima de tudo, e defendiam que diversas atitudes deveriam serem tomadas para que isso acontecesse, inclusive a popularização da doação de órgãos.


 Por conseguinte, muitas pessoas são afetadas pela negligência das famílias dos pacientes diagnósticados com morte cerebral, pois os órgãos que poderiam serem usados para salvarem diversas outras vidas são desperdiçados, ficando com pacientes que possuem a probabilidade de recuperação mínima, quase nula. Em muitos episódios de "Grey's Anatomy", bastantes pacientes morreram por não terem órgãos disponíveis no Banco de Órgãos. Porém, pode doar órgãos qualquer pessoa que concorde com a doação, desde que não prejudique a sua própria saúde, mas muitos não seguem essa prática, por não ser muito popular e pela falta de conhecimento, custando a vida de diversos outros seres-humanos.


 Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. Para que a doação de órgãos aumente, e cada vez menos pessoas morram, urge que o Governo Federal influencie a sociedade brasileira a doar órgãos, através da criação de programas e propagandas, detalhando a importância de doar órgãos para salvar muitas vidas, garantindo o direito à vida para a população. Somente assim será possível resolver a questão da doação de órgãos no Brasil e, ademais, valorizar a importância da vida de cada ser-humano que, da mesma forma que os profissionais da saúde de "Grey's Anatomy" batalhavam para salvarem as vidas dos pacientes na ficção, inúmeras pessoas também poderão salvar no mundo contemporâneo do século XXI.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde