ENTRAR NA PLATAFORMA
Doação de Órgãos no Brasil

    No ano de 2013 , de forma intrigante para muitos, uma ação feita pelo milinionário Chiquinho Scarpa elevou o número de doadores de orgãos, segundo Associação Brasileira de  Transplante de Orgãos, no ocorrido ele anúnciou que enterraria seu carro de luxo - Bentley , porém atrás de toda "loucura" havia uma causa nobre, todo encenamento era para transmitir a mensagem que muitas pessoas enterram algo mais valioso que um carro de luxo, enterram orgãos que poderia salvar vidas demostrando o descaso que a temática sofre no Brasil.


   A oferta de orgãos no país, em sua maioria , tem um grande critério religioso e ético, os familiares dos falecidos, por vezes, não compreendem que uma morte cerebral é uma morte real devido ao fato que os orgãos continua exercendo suas devidas funções , aumentando assim a percepctiva de um "milagre" para o falecido. Ademais, o filósofo iluminista Voltaire nos diz : " O homem é culpado do bem que ele não faz", sendo assim os familiares necessitam compreender que milhões de vidas seria prolongadas através de uma contribuição tão importante.


    Outoassim, a sociedade brasileira não tem consciência de quantas vida podem ser salvas pela doação de orgãos, falta em nosso país uma maior discussão, debates e ensinamentos sobre o assunto, as longas filas de espera demostra a falta de conhecimento da população. Na série "Vis a Vis" uma personsagem por nome Soledad demostra como uma vida pode ser tranformada por uma doação de orgão.


      Diante do exposto, necessitamos mitigar a problemática, portanto  contamos com o Mnistério da Saúde por meio de verbas governamentais para realizar campanhas publicitárias com detalhamento sobre a doação de orgãos promovendo um olhar crítico e humano com a finalidade de aumentar o número de doadores salvando mais vidas e promovendo um bem a sociedade brasileira. Afinal, o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama nos afirma:  " A mudança não virá se esperarmos por outra pessoa ou outro tempo".


 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde