O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Direitos Humanos

Promulgada em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante aos seres humanos de todas as partes do mundo o acesso e o cumprimento de seus direitos fundamentais, que visam garantir à todos uma vida igualitária, cercada de segurança, liberdade, propriedade, entre outras coisas. Conquanto, em países como o Brasil esses direitos fundamentais não são garantidos a todo o povo devido há uma série de entraves. Diante dessa perspectiva, cabe avaliar os fatores que favorecem esse quadro.
A ideia de direitos humanos tem seu surgimento ligado à necessidade de defesa do cidadão contra as ingerências do Estado, de seus agentes, e também contra o excesso de poder. É relevante primeiramente estabelecer que o período escravocrata  foi responsável no Brasil por intensificar o preconceito racial, visto que ampliou as desigualdades existentes entre os  brancos, indígenas, negros e outros povos. Nessa perspectiva, é evidente a influência  desse processo  histórico na comunidade contemporânea, posto que os países africanos apresentam os piores índices de Desenvolvimento Humano, segundo dados da Organização Mundial Das Nações Unidas. Desse modo, é nítido que diversas nações não apresentam qualidade de vida e desenvolvimento economico e, por isso, os direitos Humanos não se tornam presentes em diversas realidades e se tornam primordiais para o enfatizamento da necessidade de medidas cabiveis para uma sociedade mais justa e iguálitária, independentemente da raça, sexo, nacionalidade, etnia, idioma e religião.
Faz-se mister, ainda, salientar a má distribuição de renda e a falta de investimento do governo como impulsionadores do problema. De acordo com o sociólogo e político Fernando Henrique Cardoso, a sociedade brasileira tem cinquenta porcento de sua riqueza concentrada na mão de cerca de dez porcento da população, mostrando a má distribuição de renda que acarreta graves problemas socias como a pobreza e a fome, demostrando ainda a falta de ação do estado que não interfere para melhorar a renda das familás carentes e que deixa parte do povo com uma carência de coisas essenciais, enquanto outra parte do povo tem acessso a seus direitos tosos os dias essa parecela mais pobre só os vê em papéis . Mediante tal contexto, nota-se a incapacidade do governo de  ajudar o povo a melhorar sua renda e de ter acesso ativo a atividades simples que são garantidas nos Direitos Humanos Universais e na Constituição em vigor, promovendo assim um país onde só a minoria rica tem acesso a educação de qualidade, a saneamneto básico, a liberdade de expressão, a movimentos artisticos, entre outras coisas.
Infere-se, portanto, que ainda há entraves para  grantir a solificação de politicas que visem à construção de um mundo melhor. Para mudar esse quadro a Onu deveria se juntar ao governo federal para organizar uma legislação, por meio de diferentes especialistas socioeconomicos, caracterizda por claúsulas que priorizem a dignidade da vida humana, a fim de promover a punição  para aqueles que ignorarem as condições básicas humanas e resaltar  a urgência da necessidade de melhoras das condições do país.  A partir dessas ações, espera-se melhorar as condições de vida do povo brasileiro o deixando desfrutar de  suas garantias básicas e fundamentais para uma vida mais segura  e livre.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!