O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Direitos Humanos

De acordo com o artigo 5º da constituição federal brasileira de 1988 - Direitos e Garantias Fundamentais - Todos são iguais perante a lei independente de raça, cor, sexo ou crença religiosa. Os direitos humanos são de extrema relevância e merecem destaque diante de uma sociedade altamente miscigenada, que vai do negro ao branco, do pobre ao rico ou do judeu ao ateu. Dessa forma, diante das mais diversas categorias e grupos sociais, surge a necessidade do governo garantir as condições mínimas necessárias para que qualquer individuo possa exercer seu papel de cidadão na sociedade, seja fornecendo alimentação para os mais necessitados, seja punindo os que ferem esses direitos.

Segundo Zygmunt Balman, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, políticas e econômicas é característica da ''modernidade liquida'' vivida no século XX. Muitos indivíduos, apesar de viverem num mundo desenvolvido e globalizado, não têm condições alguma para aquisição da quantidade mínima de alimentos necessários à sua sobrevivência. O continente africano possui o maior contingente de comunidades pobres que ainda sofrem com o problema da fome. No Brasil, numa tentativa de garantir esse direito ao cidadão, foi criado no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva o programa ''Fome Zero'', que tinha por objetivo principal atingir as famílias em situações de extrema pobreza fornecendo recursos necessários para que essas pudessem sobreviver a tais condições. Porém, mesmo com as várias tentativas de combater as desigualdades sociais, podemos observar que ainda há um grande abismo entre viver e sobreviver na atual conjuntura que é o cenário brasileiro e mundial.

Paralelamente a isso, muitos são os indivíduos que ainda sofrem com o preconceito racial. Mesmo depois da abolição da escravatura em 1888, é evidente que o preconceito racial ainda existe de forma dissimulada na nossa sociedade. Tal fato não fere apenas os direitos promulgados pela constituição brasileira, mas também fere a dignidade humana. Muitos são os exemplos de injuria racial que acontecem no dia a dia, quer seja em estádios de futebol, cinemas ou escolas. Pode-se citar como exemplo o ocorrido com o jogador Daniel Alves quando ainda jogava pelo clube Barcelona da Espanha, ao ser surpreendido com uma banana jogada aos seus pés pela torcida do clube adversário, sendo dessa forma comparado a um macaco. Apesar de várias lutas e reivindicações, é claro e evidente que certas ideologias ainda estão encrustadas na cultura de certos povos, o que é inaceitável e precisa ser combatido se quisermos viver numa sociedade igualitária e realmente humana.

Sendo assim, é inquestionável o valor que os direitos humanos tem em nossa sociedade. É de imensurável importância que a sociedade em todos os seus setores busque garantir os direitos da pessoa humana, quer seja através de leis que garantam as condições mínimas necessárias à sobrevivência e até mesmo a punição dos indivíduos que venham a ferir a dignidade de outrem, quer seja através de propagandas, teledramaturgias ou planos de ensino escolares que visem influenciar os jovens desde cedo na necessidade de tratar o próximo como seu semelhante. Só assim, podemos construir uma sociedade cada vez mais inspirada pelos ideais de igualdade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!