O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Desigualdade social no Brasil e no mundo: um desafio a ser superado

É perceptível que a desigualdade social não é um problema atual, visto que, as relações nunca foram constituídas de forma unificada. Observando-se esse fato, no contexto da Idade média a sociedade era basicamente constituída de maneira estratificada em três camadas bem definidas: senhores feudais, nobres e escravos .Fora do contexto histórico, a questão da desigualdade mundial continua a persistir na realidade atual. Nesse sentido, soluções devem ser levantadas para combater qualquer tipo de negligência social.
É Importante ressaltar, que de acordo a música " Xibom Bombom", relata uma narrativa de forma bem humorada do cotidiano no seguinte trecho : " onde o rico fica mais rico e o pobre fica mais pobre". Nesse viés, é nítido que a desigualdade social é um impasse que continua a crescer de maneira desenfreada ,visto que, segundo dados coletados pelo economista Thomas Pikkety, o Brasil possui uma das maiores taxas de desigualdade econômica mundial, na qual, 30% do PIB brasileiro está constituído nas mãos de 1% da população. Dessa forma, quem sofre mais com isso é a maioria da população, que não conseguem ter uma qualidade de vida decente.
Entretanto a questão está longe se ser resolvida. A evidência científica e robusta mostra, que a pobreza e a desigualdade social prejudicam seriamente a saúde. No entanto, as autoridades não dão a devida atenção para esse fatores, por consequente, o baixo nível econômico é um dos mais fortes indicadores de mortalidade e morbidade prematura em todo o mundo. Além disso, a questão do desemprego e a alta taxa tributária nos produtos comercializados , principalmente, em países de economia emergente, impedindo ainda mais a ascensão econômica de uma sociedade.
Desse modo medidas são necessárias para resolver o impasse. Os Ministérios da Fazenda de cada país deverá investir capital financeiro em políticas de bases como escolas e faculdades, com adoção de aulas palestrais de professores graduados em economia ,com o intuito de, unificar o conhecimento econômico do cidadão para auxiliar, em dificuldades do futuro. Além disso, o governo federal deverá fazer cortes financeiros em impostos de produtos, com anexação de empresas estrangeiras bem estruturadas, por consequente, gerando mais livre comercio e concebendo mais empregos. Dessa forma, músicas como " Xibom Bobom" estejam somente na memória.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!