ENTRAR NA PLATAFORMA
Desaparecimento de pessoas no Brasil

(sem título)


  Na série "Dark", exibida pela Netflix, o desaparecimento de um jovem causa graves conflitos para sua família, que embarca em uma busca incessante por respostas. Não obstante, a precariedade do sistema de segurança pública e a ausência de apoio psicológico aos familiares contribuem para tornar a realidade brasileira mais próxima da ficção. Nessa perspectiva, é imprescindível analisar os efeitos dessa problemática.


  À priori, é válido salientar a ineficácia de políticas públicas para a criação de um banco de dados nacional e integrado, acerca dos casos de desaparecimento no país. Segundo a filosofia hegeliana, "o Estado é como um pai e tem o dever de proteger seus filhos". Nesse contexto, a fragilidade da segurança pública na questão dos desaparecidos aponta para o descaso do Governo para com a população, haja vista que ao menos oito indivíduos desaparecem por hora no Brasil, conforme dados apresentados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o que não condiz com os preceitos de Hegel.


  Outrossim, deve-se mencionar que as famílias afetadas pelo infortúnio não recebem o apoio necessário. Assim como no exibido pela série supracitada, os familiares têm que agir por si próprios, sobrepondo-se à ação dos órgãos de defesa, para agilizarem as buscas por seus desaparecidos. No entanto, mesmo que atuando de forma autônoma, usando as redes sociais e outras ferramentas, os núcleos familiares ficam carentes de auxílio psicossocial. Tornando-os, consequentemente, suscetíveis a outros problemas e podendo levar, até mesmo, à sua desestruturação.


  Faz-se mister, portanto, a urgência na resolução dessa dificuldade para o bem e a segurança da sociedade como um todo. Cabe ao Ministério Público investir na elaboração de um sistema de registros de desaparecimentos mais eficaz e atualizado, a fim de facilitar as buscas, as quais deverão ser efetuadas por agentes de segurança qualificados para a atividade. Além disso, o mesmo Ministério, em parceria com a Assistência Social de todos os municípios, deve realizar um trabalho de acompanhamento psicológico dos familiares com psicólogos e terapeutas, para que seu sofrimento seja ao menos amenizado. Com o conjunto dessas ações, espera-se diminuir a estatística de pessoas desaparecidas no Brasil.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde