O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Desafios na prevenção do câncer de mama no Brasil

A Constituição Federal de 1988, documento jurídico  mais importante do país, prevê em seu artigo 6*, o direito à saúde como inerente a todo cidadão brasileiro. Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase na prática quando se observa os desafios enfrentados para a prevenção do câncer de mama em território brasileiro, dificultando, deste modo, a universalização desse direito social tão importante. Diante do exposto, torna-se fundamental a discussão desses aspectos a fim do pleno funcionamento da ordem social vigente.


Precipuamente é fulcral pontuar que o óbice deriva da baixa atuação de setores governamentais no que concerne à criação de mecanismos que coíbam, de maneira efetiva, a perpetuação desse distúrbio. Nesse sentido, nota-se que o tecido social mais afetado pela ausência da prevenção ao câncer de mama é a  população brasileira, e a consequência derivada disso pode ser notada com o aumento no número de casos, como foi exposto pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA), na qual demonstrou que apenas no ano de 2019, foram relatados quase sessenta mil novos casos de câncer de mama no Brasil. Diante dessa perspectiva, torna-se inadmissível a continuidade do quadro.


Ademais, é imperativo ressaltar a ausência da detecção precoce, devido a falta de apoio estatal, do câncer de mama como fator impulsionador do cenário. Tal caso, de acordo com o filósofo contratualista John Locke, se caracterizaria como uma violação do chamado "Contrato Social", já que o Estado, como promovedor do bem comum, não cumpre a função de assegurar que os cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis, como o direito à saúde, o que infelizmente é visível no país.


Depreende-se, portanto, a necessidade de combater esses obstáculos. Para que se concretize, é necessário que o Estado redirecione verba, urgentemente, para o Ministerio da Saúde, e que por meio desse, seja revertido na criação de programas conscientizadores do quão importante e necessário é a detecção do câncer de mama precocemente. Essa medida tem por base reduzir a mortalidade derivada desse tipo de câncer. Paralelamente, O Estado deve auxiliar o Ministério da Educação, por meio de capital, com a instauração de debates intelectuais, nas redes de saber, visando a discussão sobre a importância dos exercícios físicos na prevenção do desenvolvimento de cânceres, em especial, como essa atividade se porta em relação ao câncer de mama. Com a adoção das medidas supracitadas, a população brasileira superará o distúrbio do câncer de mama, dessa forma, compactuando com o Contrato Social previsto por Locke.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!