O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Desafios da alfabetização tecnológica para os idosos

          No filme “Um sonho de liberdade”, observa-se o choque de realidade entre um senhor recém-liberado da prisão e a sociedade da época, marcada pelo uso e desenvolvimento das novas tecnologias, o que dificulta a integração do idoso na comunidade. Indo de encontro com essa visão, ainda é notória a dificuldade de inserção dos grupos de terceira idade no meio técnico-científico-informacional, o que resulta na exclusão social dos mais velhos na contemporaneidade. Nesse sentido, é fundamental analisar tal problemática, a fim de garantir à população mais idosa o acesso à informação, tornando-a mais integrada ao mundo atual.


          Em primeira análise, é importante destacar que, em função da falta de investimentos dos grandes mercados, os idosos sentem cada vez mais dificuldades em se adaptar aos recursos tecnológicos. Acerca disso, o modelo de produção capitalista tende a atender os padrões de consumo mais lucrativos na sociedade contemporânea, passando a tratar com descaso os altos custos relacionados à adaptação da população da terceira idade às tecnologias. Nesse viés, é notório que as grandes empresas visam o lucro em detrimento da acessibilidade aos meios tecnológicos por parte dos idosos, resultando na dificuldade do acesso à informação, um direito assegurado pela Constituição de 1988.


          Além do mais, convém destacar que a problemática integração dos idosos nas tecnologias tende a elevar os índices de compartilhamento de notícias falsas na internet. Segundo um estudo divulgado pela revista científica Science Advances, os usuários de faixa etária acima de 65 anos compartilham sete vez mais Fake News que os grupos etários mais jovens. Dessa maneira, a população idosa é mais vulnerável à propagação de mecanismos que podem afetar a sociedade como um todo, uma vez que esse grupo não recebe a educação midiática devida.


Diante dos fatos supracitados, é necessário que medidas sejam tomadas para combater o analfabetismo tecnológico ocorrente nas populações idosas. Posto isso, é fundamental a criação de cursos gratuitos de informática, pelo governo federal, visando à educação midiática dos grupos de terceira idade no meio técnico-científico-informacional, por meio de acompanhamentos cotidianos que auxiliem na integração social no quesito tecnológico. Além disso, cabe às grandes empresas a realização de investimentos que garantam o acesso e a adaptação da população idosa nos novos aparelhos de tecnologia, por meio da análise das necessidades desse grupo. Assim, é possível evitar o sentimento de exclusão social ocasionado pelo choque de realidade no contexto contemporâneo, como ocorrido em “Um sonho de liberdade”.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!