O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Desafios da alfabetização tecnológica para os idosos

No contexto social brasileiro, os revesses para alfabetização dos idosos são diversos,haja vista que introduzir a conectividade no cotidiano da população sexagenária encontra inúmeros entraves estratégicos,fato que vai de encontro às diretrizes da Carta Magna a qual salienta que quaisquer indivíduos dispõem dos direitos referentes à inclusão social plena.Esse panorama divergente constitui um desafio tanto ao Poder Público quanto à sociedade civil no que concerne a possibilitar a inserção da terceira idade nas novas tecnologias.


Em verdade,os dados do IBGE apontam que 31,1% das pessoas com 60 anos ou mais,utilizaram alguma tecnologia.Tais amostras concretas demostram que se faz necessário os investimentos orçamentários para promover a acessibilidade aos aparatos tecnológicos,tendo em vista que as interfaces de muitos aparatos não são didáticas para muitos usuários na terceira idade.Sob esse viés,muitos sexagenários preferem se abster das tecnologias por não se sentirem estimulados a suplantar algumas de suas limitações, a exemplo da reduzida capacidade visual e da diminuída motricidade.Além disso,a escassez de cursos de capacitação voltados para idosos contribui para ampliar as disparidades inerentes à inclusão digital.


Com efeito,muitas empresas não reconhecem como promissor os investimentos necessários para adaptar as novas tecnologias para esse público-alvo,o que acarreta as recorrentes dificuldades dos sexagenários em se moldar ao uso das ferramentas modernas.Outra questão é a exiguidade,muitas vezes, nos núcleos familiares de valores de paciência e de disponibilidade para ensinar como se usa,por exemplo,Whatsapp e Instagram-instrumentos que ajudariam a terceira idade se familiarizar com as novas tecnologias .Esse viés comportamental foi relatado por um participante do Projeto Nave do Conhecimento-iniciativa gratuita que é voltada para a alfabetização tecnológica na terceira idade.Tal fato social ilustra os percalços dos idosos em se inserirem na realidade tecnológica.Essa inserção inclusiva possibilitária o usufruto de várias benesses,como o trabalho fino de sua memória e o mehoramento sutil de sua motricidade.


Portanto,na diligência de minorar os entraves para efetivar a alfabetização tecnológica dos sexagenários,cumpre ao Poder Público intensificar a realocação de verbas para o Ministério da Educação,com o fito de incitar o engajamento multidisciplinar entre comunicação,computação e neurociência,por meio de subsídios para iniciação científica,por exemplo,fomentando a capacidade criativa e empreendedora de indivíduos para proporem soluções que atendam as demandas referente às melhorias de acessibilidade às tecnologias hodiernas para terceira idade.Outrossim,os núcleos familiares devem contribuir com diálogos francos,em seus lares,acerca da importância da inclusão digital para seus componentes idosos,suscitando valores primais de solidariedade e paciência com esses integrantes.Assim,tais ações integrativas auxiliaria essa geração de vasta experiência a usufruir das praticidades proporcionadas pelas novas tecnologias.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!