O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Depressão e seus impactos na sociedade brasileira

Segundo dados da Organização mundial da Saúde (OMS), de 2005 a 2015 houve um crescimento no número de casos de depressão e o Brasil apresentou o maior índice na América Latina, o que é preocupante, uma vez que essa patologia provoca impactos profundos na sociedade, sobretudo, a ocorrência de suicídios. Tal impasse se deve, principalmente, à fragilidade das relações contemporâneas e à inversão do sentido de felicidade, fatores fortemente ligados à vida no século XXI. É necessário, portanto, que medidas sejam tomadas para reverter o cenário vigente no contexto brasileiro, a fim de garantir a saúde mental e o pleno bem-estar a toda a população.


Em primeira análise, convém destacar que, conforme o sociólogo Zygmunt Bauman, as relações sociais na chamada "Modernidade Líquida", tornaram-se mais voláteis, ou seja, mais frágeis, fomentando o egocentrismo. Sob tal óptica, admitindo que o homem depende da coesão social para se manter saudável, é possível afirmar que a disposição psicológica do indivíduo é abalada. Analogamente, o Brasil vivencia a banalização das interações humanas, evidente, por exemplo, no frequente caso de famílias reunidas à mesa, mas focadas apenas em seus celulares ou no sentimento de solidão em meio à multidão dos grandes centros. Consequentemente, boa parte dos brasileiros entra em depressão, decorrente da carência de relações interpessoais firmes que ampliem a autoestima e o sentimento de importância social.


Em segunda instância, vale ressaltar que, com a ascensão das redes sociais, surgiu um grande contingente de personalidades públicas de elevada influência no contexto virtual. Assim, muitas pessoas identificam esses agentes sociais como um modelo para o sucesso, reconhecido como a própria felicidade. Dessa forma, a satisfação pessoal se condiciona ao status conferido pelo meio virtual, gerando frustração pelo insucesso em alcançar o estereótipo estabelecido, o que acentua os índices de depressão.


Destarte, para que a depressão e seus impactos sejam mitigados no contexto brasileiro, é necessário que as instituições públicas e privadas solidifiquem as relações entre seus membros, mediante dinâmicas de interação social que estimulem a amizade - visto que a maior parte das atividades do cotidiano ocorre de maneira meramente burocrática e impessoal -, a fim de fortalecer o companheirismo e evitar a solidão. Ademais, as empresas que possuem redes sociais devem alterar essas plataformas digitais, para que os usuários não sejam estimulados a se compararem e, então, buscarem uma falsa felicidade. Enfim, tais medidas são importantes para se dissolver o quadro vigente no país e proporcionar saúde psicológica à sociedade brasileira.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!