O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Depressão e seus impactos na sociedade brasileira

Segundo as ideias de Maquiavel, não há nada mais difícil ou perigoso do que tomar a frente na introdução de uma mudança. Visto isso, é possível mencionar que ela é essencial para o desenvolvimento da sociedade. Promulgada pela ONU em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos, garante a todos os indivíduos o direito á saúde e ao bem-estar social. Conquanto, o problema da falta de investimentos na área da saúde impossibilita que parte da população desfrute desse direito universal na prática. Nessa perspectiva, esses desafios devem ser superados de imediato para o bem de uma sociedade que se encontra fragilizada.

Em primeiro lugar, é importante salientar que na sociedade contemporânea, diagnósticos de pessoas com depressão tem sido cada vez mais frequentes. De acordo com um psiquiatra, trata-se da terceira causa de morte no mundo entre a população adulta e a segunda entre adolescentes e adultos jovens. Segundo dados da OMS, no Brasil, 5,8 % da população sofre do problema apresentado, o que afeta 11,5 milhões de brasileiros. Ela afeta 322 milhões de pessoas no mundo e a prevalência do transtorno na população é de 4,4 %. Diante do exposto, isso é subjetivo e a sociedade não pode aceitar negligência do Estado e do poder público diante desse aspecto.

Em segundo lugar, outro aspecto fundamental que não pode ser esquecido nessa análise é que a depressão pode ser considerada como o mal do século. Pois, cada vez mais, os números de pessoas diagnosticadas com esta doença só aumentaram. E através dela, a população pode desenvolver transtornos, ansiedades, síndromes, distúrbios, entre outros problemas psíquicos. A causa da depressão está relacionada na maioria das vezes, ás correrias do dia a dia. Pois, a partir daí, não temos muito tempo de cuidar de nossa saúde mental e de colocar nossos pensamentos em ordem. Infelizmente, boa parte das pessoas não prestam atenção nos comportamentos que a mente desenvolve e acabam acumulando um grande número de preocupações e absorvendo os problemas cotidianos. Tudo isso, pode levar elas a desenvolverem a depressão, que quando não tratada pode levá-la a cometer um suicídio. Para generalizar esse problema, é necessário a realização de diversas medidas, não só de investimentos mas também, uma iniciativa do governo e dos locais de atendimento que atendem esses casos. Pois, de acordo com Augusto Cury, vivemos em uma sociedade urgente, rápida e anciosa. Nunca as pessoas tiveram uma mente tão agitada e estressada.

Interfere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem á construção de um mundo melhor, para a população carente que na maioria das vezes, não tem condições de ter acesso a consultas de profissionais, que tratam de doenças como a depressão. Dessa maneira, urge ao governo ligar esse assunto aos locais de atendimento que tratam desse problema apresentado e a sociedade, para que possam ser realizados diálogos e divulgações sobre o aspecto. Os casos de depressão precisam ser cada vez mais divulgados, para que as pessoas possam perceber que existem tratamentos para ela. Também, é importante a realização de parâmetros que auxiliem a sociedade a enfrentar a situação. Divulgando meios e formas de enfrentar o problema e mostrar a importãncia, das terapias com profissionais que cuidam do caso. Como diz o psiquiatra Augusto Cury, pensar é bom, pensar com lucidez é ótimo, porém pensar demais é uma bomba contra a saúde psíquica, o prazer de viver e a criatividade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!