O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Crise penitenciária no Brasil


No que refere á crise penitenciária no Brasil, é possível afirmar que o uso de planos de segurança ultrapassados reflete na sociedade a ineficácia dos presididos. Isso se evidencia por falta de disciplina entre os encarcerados e também pela péssima reintegração social que é falha quando grande parte dos ex - detentos reincidem os crimes.

Inegavelmente, impor limites sempre foi crucial na educação e, não pode ser diferente para os presidiários. Comprova-se a ilimitada indisciplina com as rebeliões, em 1992,houve o massacre do Carandiru e, atualmente, em 2017,aconteceu em Manaus - AM, com 56 mortos, situação que demonstra o alarmante descontrole do Estado que não garante a segurança dos presos, quiçá, dos cidadãos nas ruas.

Além disso, a ressocialização é fundamental para evitar novos crimes, segundo Rousseau, o homem nasce bom, mas a sociedade o corrompe, analogamente, a morosidade da justiça e a superlotação carcerária podem está associada à má reintegração, visto que, os meliantes de pequenos crimes convivendo com grandes traficantes podem se tornar mais perigosos e, consideravelmente, gerar mais violência para o tecido social.

Portanto, o Ministério da Justiça, deve construir novos presídios para atenuar o impasse, separando os detentos de acordo a periculosidade dos delitos, evitando que infratores se tornem fruto das relações estabelecidas com seus pares. Como também, disciplinar os presidiários, colocando-os para trabalhar com remuneração para seu próprio sustento, que os trabalhos sejam por aptidão e através de cursos de costura, artesanatos etc. Dessa forma, seriam reintegrados com preparação para viver em sociedade.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!