ENTRAR NA PLATAFORMA
Crimes cibernéticos no Brasil

O mito da caverna, alegoria escrita por platão, explica a evolução do processo de conhecimento, Segundo ele, os seres humanos se encontram prisioneiros de uma caverna, em que estão habituados somente a ter uma ilusão do que veem como se fosse a verdadeira realidade. De maneira análoga ao presente, a questão dos crimes cibernéticos pode ser bem representada pelo mito da caverna de platão, visto que esse é um grave problema social que vive ás sombras da sociedade.É de suma importância compreender, portanto que o legado histórico e a falta de justiça são causas notórias da questão.


em primeira análise, nota-se que o legado histórico é causa manifesta da matéria. Nesse sentido Cazuza, cantor brasileiro que marcou a nação com letras de alta representatividade social, preocupou-se com a reincidência de questões sociais em sua música "O tempo não para" com o trecho "eu vejo o futuro repetir o passado".Dessa forma, a crítica do cantor se faz necessária na atualidade.principalmente em relação a crimes desta natureza, pois eles só existem, por não ter sido erradicados anteriormente pelas autoridades públicas. É incabível, portanto, que um país com leis tão modernas  permita que sua sociedade continue a sofrer com tais delitos.


Cumpre ressair que a falta de justiça é também fator relevante em relação à situação. Em relação a isso, o filósofo francês, Barão de Monstesquie, deu uma grande contribuição social, quando afirmou que "a injustiça que faz a um, é uma ameaça que se faz a todos". Com efeito, em relação ao tema, a afirmação do pensador pode ser confirmada no Brasil, uma vez que o cenário demonstra um legado de crimes não solucionados, assim tornaram a temática fonte de problemas e caos para todos os indivíduos e para o rumo da sociedade. 


Portanto, medidas são necessárias para solucionar a problemática. O Ministério da Segurança Pública juntamente com o Ministério da Educação, por meio de um projeto social nas escolas e universidades, deve criar exposições culturais e históricas, que façam eventos explicativos a respeito dos crimes cibernéticos. Tais eventos devem ser abertos a toda população, com oficinas, exposições, palestras e curta-metragem que apresentem para a sociedade as raízes desse problema. Espera-se, dessa forma, que a população brasileira possa conhecer os erros do passado, para que sirvam de lição para solucionar os do presente.


 


 


 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde