ENTRAR NA PLATAFORMA
Crimes cibernéticos no Brasil

                                                        Navegar com tranquilidade


Por mais que seja um tema atual, a invasão de sistemas informacionais não é algo recente, pois no auge da Segunda Guerra Mundial, países como Rússia e Estados Unidos buscavam interceptar comunicações para planejar ações na guerra. Com o passar dos anos, e a expansão da internet os crimes cibernéticos aumentaram por ser um forma de ser obter ganhos e um meio de praticar atividades criminosas.


Sob uma primeira análise, os crimes virtuais movimentam ganhos financeiros atráves do roubo de informações dos usuários, devido a fragilidade dos sistemas e do descuido do internauta. Como aponta estudos realizados pelo site especializado em tecnologia, Olhar digital, a internet não é um ambiente  seguro exigindo do usuário da rede precauções ao navegar. Ao roubar os dados dos usuários, os criminosos vende-os para o mercado negro ou para empresas, estas útlimas buscando conhecer o perfil de possiveis compradores e oferecer-lhes produtos. Para evitar que os dados sejam roubados, entre outras ações exigidas do internauta são: navegar apenas em sites confiáveis, utilizar antivírus atualizado, não inserir  informações confidenciais como número de cartões de crédito em sites de compras do qual a reputação é duvidosa. Ao ter esse posicionamento, pode-se navegar com mais tranquilidade na rede.


Além disso, a internet tem sido meio para prática de crimes como racismo, preconceito, xenofobia, entre outros. Dados divulgados pelo portal de notícias G1, apontam que cresceu o número de crimes na internet. Esse fato ocorre devido a expansão das redes sociais como facebook, twitter e instagram, no qual as pessoas estão expostas a outras milhões de pessoas criando um ambiente propício para a propagação de ideologias. Assim como ocorre no mundo real, existem aqueles que não respeitam a diferença e praticam atitudes ofensivas a honra e moral alheias, com a falsa impressão de que tais atos quando praticados na internet não podem ser responsabilizados.


Portato, para combater os crimes cibernéticos importante se faz a criação de um código informático, pelo Congresso Nacional, assim como tem-se os códigos penal, civil, eleitoral, consumerista, para reger as relações entre os usuários, estado e empresas na internet, definindo crimes e sanções, regulamentando assim o meio virtual. Ademais, as empresas de redes sociais devem aprimorar seus mecanismos de segurança, banindo usuários que pratiquem atividades ilícitas, por meio da criação de sistemas que indentifiquem ações suspeitas. Com atitudes como estas, os usuários poderão navegar com segurança e aproveitar o que a internet tem de melhor a oferecer.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde