ENTRAR NA PLATAFORMA
Coronavírus e emergência na saúde global

Na conjuntura contemporânea, graças ao acesso facilitado que as pessoas têm à informação devido ao avanço tecnológico e à globalização, há muito exagero quanto às reações dos indivíduos a fatos como o surgimento do Coronavírus. Isso é fruto do pouco conhecimento que o povo adquire sobre esses assuntos, se recusando a pesquisar mais a fundo acerca destes. Em decorrência disso, ocorre um pânico generalizado com base na falta de estudo dos temas. Diante disso, urgem medidas interventivas.


Primeiramente, é válido pontuar que a fácil disseminação de notícias é fundamental para o entendimento da gravidade do tópico em questão. Nessa perspectiva, o baixo nível de busca de fatos sobre a temática prejudica a compreensão, proporcionando apenas uma assimilação superficial, que ignora pontos importantes. De acordo com o Centro de Prevenção e Controle de Doenças da China, a taxa de mortalidade do Covid-19 é de apenas 2,3%, cerca de 7,7% menor que a da Síndrome Respiratória Aguda Grave e 32,1% menor que a da Síndrome Respiratória do Oriente Médio. Desse modo, pode-se inferir que a investigação do assunto é algo sine qua non para a percepção da realidade dos fatos.


Em virtude dos fatores previamente citados, cria-se uma apreensão desnecessária em torno de uma nova doença, que foi muito bem combatida após a emissão do alerta global realizado pela Organização Mundial da Saúde. Nesse viés, a elevação dos ânimos foi responsável por diversos problemas observados na sociedade, como um pico de xenofobia direcionado aos chineses, primeiros indivíduos nos quais a infecção foi vista. Também notou-se o medo da população diante de uma ameaça infecciosa iminente, sem perceber que as medidas combativas necessárias estavam sendo tomadas e a enfermidade já estava sob controle. Assim, fica claro que o baixo nível de informações retidas pelo povo limita grandiosamente a possibilidade de entendimento de uma temática tão importante.


A partir das constatações expostas, é notório que a procura pela compreensão por meio da pesquisa acerca dos assuntos é essencial para apreender o máximo possível sobre eles. Por isso, é necessário que as mídias veiculadoras de notícias explicitem, cada vez mais, as novidades sobre os temas em alta, facilitando o acesso a estas, a fim de prover mais descrições sobre os tópicos e, assim, gerar uma maior consciência em torno do ponto em questão. Além disso, compete ainda ao Estado proporcionar as condições para que todos tenham acesso à informação.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde