O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Como a 4ª Revolução Industrial deve afetar nossas vidas?

Na Guerra Fria surgiu uma das maiores criações da humanidade, a Internet, que na época era utilizada pelos militares para passar informações sem que elas sejam interceptadas, naquela época não se tinha muito a visão até onde a internet poderia ir e no que ela se tornou. A pergunta mais frequente feita hoje é: o quanto a vida digital está presente nas nossas vidas?
Com a chegada da quarta revolução industrial, muitos postos de trabalho acabaram se tornando inúteis, a automação dos meios de produção foi o primeiro impacto que tivemos desde a segunda revolução industrial. Porém, ela também trouxe uma maior proximidade a qualquer pessoa do globo, facilitando as pessoas marcarem reuniões em qualquer horário, eliminando o custo de ter que ir de avião até um outro lugar, seja por vídeo conferencia ou e-mail.
Outra coisa que chegou para o ambiente virtual no fim da década de noventa e início dos anos dois mil, foram as redes sociais, que nos últimos anos levantou alguns questionamentos de como ela vem afetando a vida das pessoas, a alta exposição da vida antes privada, e se tornando pública.
Um problema que é mais presente, aqui no Brasil pelo menos, é a questão da acessibilidade das populações mais desfavorecidas financeiramente, pesquisas mostram que apenas cinquenta e oito por cento da população tem acesso à internet, que apesar de ser um bom número, traz também o questionamento de quanto são vindos de populações pobres e quantos são da classe média-alta, maioria e de regiões mais ricas.
Portanto para que possa haver uma melhor ?convivência? com o mundo digital, o governo deveria então promover um maior acesso as populações menos favorecidas, criar campanhas de como se comportar nas redes sócias, se ocorrer algum tipo de perda de emprego por parte da evolução tecnológica, tentar alguma forma realocar as pessoas em áreas que ela possam trabalhar.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!