ENTRAR NA PLATAFORMA
Aumento da emigração de brasileiros

‘O homem nasce livre e por toda a parte encontra-se acorrentado.’ De acordo com Rosseau, nota-se que, mesmo livre, o ser humano sempre encontrará aprisionado por alguma questão global. Dessa forma, observa-se que, os brasileiros ainda mantêm-se presos ao sistema falho do país, obrigados a optarem pela emigração, uma vez que fatores como a insatisfação política e social, e a procura por melhores oportunidades enfatizam essa problemática.


Em primeiro lugar, de acordo com os dados da Receita Federal, apenas em 2018, foram mais de 22 mil registros de saídas do país. Consoante a isso, percebe-se que o descontentamento político e social da população brasileira tornou-se uma realidade da sociedade contemporânea, uma vez que questões como a investigação da ‘Lava Jato’ e o impeachment da Presidenta Dilma Roussef (PT), em 2016, são fatores que devem ser levados em consideração pela razão e evasão de tantos brasileiros do país.



Por conseguinte, esse quadro de instabilidade política afeta, negativamente, a oferta de trabalho no país, uma vez que questões como essas, geram crises econômica que levam tempo para se recuperar. Mediante a isso, os brasileiros recém formados e, até mesmo aqueles que possuem mestrados e doutorados, procuram por melhores oportunidades de vida em outros países, na maioria das vezes nos países da América do Norte, que dispõe o ‘visto Einstein’, o qual disponibiliza moradia permanente a quem possui diploma e títulos universitários. Dado o exposto, observa-se que a emigração dos brasileiros é resultado do descontentamento político e social, juntamente com a procura de melhores oportunidades de vida no exterior. Nesse sentido, cabe ao Ministério da Educação desenvolver projetos educacionais, nas escolas de ensino fundamental e médio, com o foco de estimular o sentimento de patriotismo e nacionalidade, de modo que o futuro da nação seja orientada a fazer o melhor pelo país. De modo análogo, cabe mencionar que, a população civil brasileira poderia ir às ruas, em formas de passeatas, com o fito de demonstrar a insatisfação com o governo atual, e, através de campanhas em mídias sociais, criar movimentos para atingir, de forma mais abrangente, a população insatisfeita. Dessa forma, as mudanças resultará em uma sociedade mais contente e proporcional de produção, uma vez que, quanto maior o conforto social do trabalhador, maior o desenvolvimento econômico de um país. 

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde